Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

A curta história da “carrozzeria” OSI

Compartilhe!

A OSI, ou Officine Stampaggi Industriali, foi uma fabricante de carrocerias, ou carrozzeria, italiana. Fundada em 1960 por Luigi Segre, antigo chefão da Ghia, e Arrigo Olivetti, da Fergat, era uma empresa especializada na produção de componentes para automóveis. O objetivo desta “encarroçadora” era a produção em pequena escala de automóveis de nicho, com grande parte dos modelos tendo por base automóveis da Alfa Romeo, Fiat, Innocenti e Ford.

OSI

A Officine Stampaggi Industriali, ou OSI, esteve ativa de 1960 a 1968.

OSI-Interessengemeinschaft - Posts | Facebook



Um dos seus primeiros contratos foi a produção das carrocerias para o Innocenti 950 Spider, de 1960, desenhado por Tom Tjaarda, na Ghia, e produzido com base no Austin-Healey Sprite; foram montadas 4.790 unidades. Utilizava motor de 948 cm3 e 43 cv.

OSI

Linha de montagem do Ford Anglia Torino .

No final de 1961, o motor passou a ter 46 cv. Em vevereiro de 1963, foi lançada a versão S, com motor de 1098 cm3 e 58 cv, que teve a produção de 2.074 exemplares. Em setembro de 1966 foi lançado o Innocenti C, cupê com base no 950 Spider, desenhado por Sergio Sartorelli. Somente 794 exemplares foram produzidos deste cupê até quando a produção foi encerrada, em 1968.

OSI

Um carro que fez muito sucesso: Fiat 1300/1500 Familiare.

De 1965 a 1967 a OSI produziu o Alfa Romeo 2600 De Luxe, em 54 unidades. Os veículos mais recreativos estavam bastante populares no final dos anos 1960 e início dos anos 1970, como o Citroen Mehari e o Renault Rodeo, e a OSI produziu um veículo do gênero antes disso, entre 1967 e 1968, com base no Fiat 850, batizado de Fiat 850 Weekend.

OSI

Fiat 2300 Coupé Ghia

Officine Stampaggi Industriali (O.S.I.) - Album on Imgur
As instalações da empresa, hoje abandonadas.
officine stampaggi industriali | Tumblr
Fiat 850 Weekend



O automóvel produzido pela OSI de maior sucesso -sem ser italiano- foi o OSI 20M TS Coupe, produzido com base no Ford Taunus 20M de 1967 a 1968, desenhado por Sergio Sartorelli, com cerca de 2.200 exemplares construídos. Existiu ainda uma versão Spider, mas que ficou só no protótipo. Também com base num Ford, mas desta vez no Anglia, a OSI produziu o Anglia Torino, desenhado por Giovanni Michelotti, do qual foram produzidos 10.007 exemplares.

OSI

Alfa Romeo 2600 De Luxe



Em 1967, a OSI produziu um avançado protótipo, batizado de Silver Fox -ou Bisiluro- para a marca Alpine, com a intenção de competir na “24 Horas de Le Mans”. Equipado com um motor Alpine-Renault de 1000 cm3, o seu maior foco era a aerodinâmica. Infelizmente, a OSI fechou pouco tempo depois e o protótipo não conheceu o desenvolvimento merecido. Além deste, muitos outros protótipos foram construídos pela OSI, como por exemplo o Renault Alpine A108 Berlinette Tour de France par OSI de 1965, o Quattroroute Secura de 1965, o DAF City de 1966, o Alfa Romeo Scarabeo de 1966, o Fiat 124 Cross Country de 1966, o Alfa Romeo Scarabeo Rielaborata de 1967, o Autobianchi G. 31 e o Fiat 125 Familiare, entre outros.

OSI
Fiat 850 cupê.

OSI

Protótipo Bisiluro Silver Fox

OSI

Fiat 1200 Coupé


OSI

Fiat 125 Familiare

OSI

Ford Anglia Torino


Após a morte de Luigi, em 1963, a OSI sentiu a falta da conexão entre a Ghia e a Ford. Dessa forma, o trabalho foi diminuindo e a produção de automóveis terminou em dezembro de 1967. O departamento de desenho da OSI foi incorporado pela Fiat, em maio de 1968.

OSI

Protótipo Alfa Romeo Scarabeo

No entanto, a OSI continua ativa, na produção de painéis de aço prensados e equipamentos industriais. As instalações originais, onde eram produzidos os automóveis, ainda existem, apesar de estarem em avançado estado de degradação, estando planejada a sua demolição.


OSI

Fiat 124 Cross-Country



Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *