Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

A floresta mal assombrada e os 50 carros fantasmas

Compartilhe!

O ex-piloto alemão Michael Fröhlich tem uma coleção de carros literalmente apodrecendo no tempo. De piloto de pouco sucesso a artista plástico excêntrico, reuniu 50 carros antigos e os deixou apodrecendo em uma floresta, perto de Dusseldorf. Uns batidos propositalmente, outros enterrados na lama. Hoje, estes carros valeriam pelo menos US$ 1 milhão, mas são verdadeiras assombrações.

Entre os carros, um Jaguar XK120, avaliado em US$ 170 mil, um Porsche 356 e um Buick no valor de US$ 17 mil. Talvez o seu item mais interessante seja um Rolls Royce, com a inbscrição “Palácio de Buckingham” propositalmente incorreta, substituindo o “B” por um “F”, estampado ao lado de um boneco da rainha Elizabeth ao volante.

Fröhlich mora num sítio, lugar calmo e bucólico, mas a sua casa está rodeada por estes automóveis, que representam cada ano de vida de Michael, espalhados pela floresta. Michael quer demonstrar que a natureza é mais forte que o homem, mais forte que a engenharia.

O Jaguar XK120 ele utilizou para competir, em 1984, e tem também um Porsche 356 que usou em algumas provas. Além do Rolls-Royce real, tem uma limusine onde foi transportado Adolf Hitler. Isso sem contar várias rodas e pneus, e placas de publicidade espalhadas, mais parte do muro de Berlim e ainda um míssil apontado para um Willys.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *