Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Agora é oficial: Audi anuncia o fim do TT

Compartilhe!

Depois de muitos boatos, a confirmação chegou: o Audi TT vai mesmo desaparecer -para tristeza de seus admiradores- e dará lugar a um esportivo elétrico.

A confirmação veio na reunião anual de acionistas da Audi e foi dada pelo chefão da marca, Bram Schot, que confirmou que, com o objetivo de apostar na eletrificação e na mobilidade sustentável, a Audi vai desaparecer vários modelos que já não fazem sentido em termos econômicos, dando como exemplo precisamente o clássico TT. De acordo com o chefão, o cupê, cujas origens remontam a 1998, após o término da carreira comercial da atual geração, será substituído “por um novo modelo elétrico ‘emocional’ na mesma faixa de preço”.

A substituição do Audi TT por um modelo elétrico vai ao encontro dos planos de médio prazo da Audi. Segundo Schot, a marca quer ter rapidamente “a maior variedade de modelos elétricos entre os concorrentes premium“, assumindo como meta ter já em 2025 o total de 30 modelos eletrificados, 20 dos quais totalmente elétricos.
 
Depois de três gerações, o Audi TT vai mesmo desaparecer.

Além do desaparecimento do Audi TT e da eletrificação do seu sucessor, a Audi apresenta também a possibilidade de eletrificar o A8, com Schot afirmando que “a próxima geração do Audi A8 pode ser totalmente elétrica. Ainda nada foi decidido, mas é possível”, acrescentando que o sucessor do top de linha pode ser até um “conceito completamente novo”.

 

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *