Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Alemanha: Ministério dos Transportes acusa Fiat Chrysler

Compartilhe!

O Ministério dos Transportes da Alemanha enviou uma correspondência à Comissão Europeia onde acusa a Fiat Chrysler Automobiles (FCA) de utilizar um dispositivo ilegal para  alterar os sistemas de tratamento de gases em motores diesel, afirmou a revista alemã “WirtschaftsWoche”.

FCA-Logo

De acordo com a publicação, a carta foi enviada para Bruxelas nos últimos dias de agosto e nela consta que vários dos testes realizados pelas autoridades alemãs apresentam evidências de que a Fiat Chrysler utilizou ilegalmente um dispositivo para desligar os sistemas de tratamento de gases.

Além disso, os testes teriam detetado um “catalisador especial de óxido de nitrogênio que se desliga após alguns ciclos de limpeza”, afirmou a revista alemã citada pelo “Automotive News”, que indica ainda que os veículos afetados são os Fiat 500X e Jeep Renegade e que o motor em causa é o mais recente diesel 2.0 da Fiat.

Em maio, o ministro dos Transportes alemão Alexander Dobrindt criticou a FCA por não comparecer numa reunião para discutir irregularidades nas emissões dos seus veículos a diesel. Em junho, o ministro dos Transportes italiano Graziano Delrio respondeu que os motores diesel Fiat tinha sido testados e considerados em conformidade com os regulamentos de emissões em vigor na Itália.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español