Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Audi cria diesel sintético a partir da água e CO2

Compartilhe!

As petrolíferas não vão ficar nada satisfeitas.  Audi está avaliando a viabilidade da produção de diesel sintético neutro de CO2. O e-Diesel é um combustível desenvolvido a partir de água, CO2 e eletricidade “verde”. Os primeiros cinco litros já foram produzidos.

948x624

Para demonstrar a viabilidade do e-Diesel, a Ministra de Educação e Pesquisa da Alemanha, Johanna Wanka, abasteceu com os primeiros litros o seu carro oficial, um Audi A8 3.0 TDi. “Este diesel sintético é um grande passo na sustentabilidade. Se conseguirmos disseminar o uso de CO2 como matéria-prima, daremos uma contribuição crucial para a proteção do meio ambiente e o uso eficiente dos recursos naturais”, afirmou Wanka.

O principio deste combustível começa na fábrica Sunfire, que trabalha de acordo com o princípio “power-to-liquid”, usando como
matérias-primas dióxido de carbono, água e eletricidade. O dióxido de carbono é extraído do meio ambiente capturando diretamente o ar, tecnologia desenvolvida pelos parceiros suíços da Climeworks.

Num processo em separado, uma unidade de eletrólise alimentada com eletricidade “verde” decompõe a água em hidrogênio e oxigénio. O hidrogénio reage, então, com o dióxido de carbono em dois processos químicos realizados a 220 oC e pressão de 25 bar para produzir um líquido energético composto de hidrocarbonetos, o por “Blue Crude”. Este processo aumenta a eficiência até 70%.

Cerca de 80 % é convertido em diesel sintético. Este combustível -o Audi e-diesel- é isento de enxofre e de aromáticos. Também contém um número elevado de cetano, o que significa que se inflama com muita facilidade. As suas propriedades químicas permitem que seja misturado em qualquer proporção com diesel de origem fóssil. Isto significa que pode ser utilizado como um combustível “drop-in”.

A Audi combina duas tecnologias inovadoras neste projeto: do ar do meio ambiente é capturado CO2 e o processo “power to liquid” para a produção de combustíveis sintéticos. A fábrica-piloto, em Dresden-Reick, na Alemanha, prepara-se para produzir diariamente cerca de 160 litros de “Blue Crude”.

A Audi também está realizando uma pesquisa conjunta para a produção sintética da Audi e-gasolina com a empresa francesa Global Bioenergies.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español