Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

AUDI VAI VOLTAR A PRODUZIR CARROS NO BRASIL

Compartilhe!

Audi-A3-Sedan-3

O governo do Estado do Paraná, por meio de sua assessoria de comunicação, divulgou nota afirmando que o governador Beto Richa e o presidente mundial da Audi, Rupert Stadler, vão anunciar amanhã (18/09), em Curitiba, a volta da fabricação de veículos da marca alemã naquele Estado. Segundo a assessoria da Audi, Stadler está hoje em Brasília, para encontro com a presidente Dilma Rousseff, para oficializar a decisão e formalizar a inclusão da marca ao Programa Inova-Auto. Após a reunião, o anúncio poderá ser feito de maneira oficial.

Para voltar a produzir no Brasil, a Audi vai investir pouco mais de R$ 500 milhões na instalação da nova linha de montagem em São José dos Pinhais, pertinho de Curitiba, para produzir os compacto A3 sedã e a SUV Q3. O investimento pode chegar a R$ 1,2 bilhão, divididos em R$ 500 milhões para a Audi e R$ 700 milhões para a fabricação do Volkswagen Golf VII. Quando estiver operando em capacidade máxima, a fábrica deverá produzir 26 mil veículos por ano. O A3 vai dividir a plataforma com o Golf VII, que deverá ser fabricado no mesmo local.

O investimento foi necessário para adequar a marca ao programa de incentivos “Paraná Competitivo”. O acordo entre o Estado e a empresa foi assinado no dia 21 de agosto, permitindo que a Audi também possa usufruir ainda dos benefícios fiscais concedidos pelo governo federal.

Um problema a ser contornado será o preço do Audi A3 e do Golf VII. O VW Golf VII, importado, começa em R$ 68 mil (Highline 1.4 com câmbio manual). Já o A3 Sportback, também importado, com motor 1.4 de 122 cv, basicamente o mesmo carro na mesma plataforma modular MQB, começa em R$ 95 mil, o suficiente para comprar um Golf VII GTI 2.0, com 220 cv. Essa questão Volkswagen e Audi vão resolver internamente.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español