Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Bosch já testa um novo sistema Start/Stop

Compartilhe!

A Bosch testa um novo sistema Start&Stop. A nova tecnologia Boost Recuperation System permite reduzir o consumo de combustível e emissões de CO2.

7a5ba2e692b953f8c48602b29a494129_L

A Bosch está testando um novo sistema start&stop -equipamento que no Brasil só equipa os Fiat Uno- que permite reduzir os consumos de combustível e as emissões de CO2 em até 15%, comparativamente com um sistema convencional. A tecnologia Boost Recuperation System, testada num Volkswagen Golf GTD com motor 2.0 TDI de 184 cv, permite converter o modelo num híbrido, em virtude da utilização de uma bateria de 48V e de embreagem eletrônica, de nome eClutch – que permite ligar o carro sem necessidade de utilizar o pedal da embreagem.

7a5ba2e692b953f8c48602b29a494129_2_L

O sistema, que funciona em conjunto com uma bateria de ions de lítio de 0,25 kWh, permite desligar o motor quando o carro está em desaceleração -melhorando desta forma o consumo de combustível. Quando o motorista volta a acionar o pedal do acelerador, o motor torna a entrar em funcionamento. Este dispositivo Boost Recuperation System possibilita ainda a recuperação de energia em frenagem ou reduções de marcha. A bateria de 48V, que também funciona como motor de partida, tem capacidade suficiente para ajudar a maior débito de torque durante mais tempo. Em conjunto com uma caixa de câmbio automática, esta tecnologia permite circular em “coasting”; se o condutor tirar o pé do acelerador, o motor desliga e o carro anda em velocidade constante, o que permite economia de combustível, emissões e ruído.

A Bosch anuncia que o sistema -que deverá chegar ao mercado em 2017 ou 2018- funciona de forma suave e sem vibrações.

 


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español