Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Brasileiro Carlos Ghosn será o chefão da Mitsubishi

Compartilhe!

O brasileiro Carlos Ghosn continua cotado como um dos executivos mais importantes da indústria automotiva mundial. A Nissan vai nomear o seu atual chefão, Ghosn, como presidente do conselho de administração da Mitsubishi, revelou a imprensa japonesa.

carlos-ghosn-pdg-renault-nissan

Ghosn, que atualmente também desempenha as funções de chefão na Aliança Renault-Nissan, teria pedido o cargo de presidente do conselho de administração, mantendo Osamu Masuko como presidente, depois de consumada a aquisição de 34% das ações da Mitsubishi pela Nissan.

Depois desta informação as ações da Mitsubishi Motors subiram 10%, mas porta-vozes das duas empresas recusaram fazer qualquer tipo de comentário.

Recorde-se que as duas empresas têm seguido estratégia conjunta ao longo dos últimos cinco anos. Foi ao abrigo dessa mesma parceria que a Mitsubishi produziu dois “kei-cars” para a Nissan no mercado japonês, que se tornaram recentemente alvo de polêmica ao fazerem parte de um lote de quatro modelos com dados de homologação dos consumos manipulados.

É também devido à essa polêmica que a intervenção da Nissan na Mitsubishi ganha importância, pois poderá ajudar a Mitsubishi a lidar com os efeitos da crise. No mesmo sentido, as duas empresas concordaram em cooperar para o desenvolvimento de plataformas em conjunto, compartilhamento de tecnologia e de fábricas e estratégias de crescimento em mercado considerados vitais.

A Mitsubishi deverá tomar a decisão formal sobre o novo executivo em dezembro, após a reunião de acionistas.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español