Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

CHINESA BYD VAI VENDER HÍBRIDO NA EUROPA

Compartilhe!

Quem duvidou da capacidade dos chineses aprenderem a fazer carros bons rapidamente, vai se decepcionar. A marca chinesa BYD anunciou que vai vender na Europa, no início de 2015, o seu sedã esportivo híbrido Qin. Ao mesmo tempo, a marca admite que o nome do veículo provavelmente será mudado. O Qin é alimentado por um motor de 1.5 turbo a gasolina de quatro cilindros e um motor elétrico, com potência combinada de 291 cv e 47 mkgf de torque. O sedã acelera de zero a 100 km/h em 5,9 segundos e tem velocidade máxima de 185 km/h; o consumo de combustível previsto é de 62 km/litro.large_198567

O Qin pode ser ligado a uma tomada para recarregar as baterias, mas a BYD não divulgou quanto tempo a bateria demora para atingir a carga plena. O veículo também está equipado com um sistema de freios regenerativo.

A BYD afirma que o carro vem com um sistema de controle remoto que permite aos motoristas manobrarem o modelo em velocidades muito baixas por meio de aplicativo de smartphone, mas parece improvável que isso esteja disponível no modelo europeu, por razões legais.

A marca chinesa ainda não anunciou os preços para a versão europeia do Qin, mas os preços na China variam entre US$ 28, 5 mil e US$ 31,5 mil.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español