CHRYSLER DE VOLTA AO BRASIL. OUTRA VEZ

Compartilhe!

A história da Chrysler no Brasil é tão surreal que beira o absurdo. Pela terceira vez a marca americana quer produzir veículos no Brasil. O assunto é tratado ainda como “segredo de estado”, mas a Chrysler está com estudos avançados para voltar a fabricar no Brasil. A primeira investida foi em 1967, quando comprou a Simca (e depois foi comprada em 1979 pela Volkswagen, desaparecendo em 1981). Anos depois, montou uma fábrica no Paraná, para produir as pickups Dakota (entre 1998 e 2002). As Dakota foram sucesso de vendas e chegaram a ter 16% de seu segmento.

Agora a marca -que pertence à Fiat- pensa em produzir nas futuras instalações da Fiat no Pernambuco. O carro em questão seria o novo Dodge Dart, que é gêmeo do Fiat Viaggio, ótima opção para os italianos substituirem o  Linea.

A idéia de produzir aqui atende não só o mercado interno, em expansão, e o externo, como acata a pressão do governo federal para reduzir as importações. Uma das pistas sobre a volta da Chrysler é a recente abertura de centros de distribuição de peças de reposição, um em Louveira (SP) e outro em Buenos Aires, Argentina.

Com isso, a marca toma fôlego e parte para a expansão da rede de concessionárias. Hoje no Brasil são 33 pontos de venda. O plano prevê 50 pontos ainda em 2012 e entre 100 a 120 até 2014, quando a nova linha de produção da Fiat deverá estar em operação.  Que venha para ficar!


Compartilhe!
简体中文 简体中文 English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano 日本語 日本語 Português Português Español Español