Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

CORRUPÇÃO NA F1: ECCLESTONE INDICIADO

Compartilhe!

ecclestone

Por que todo o líder é fácil de se corromper? O Ministério Público da Alemanha indiciou Bernie Ecclestone de suposto suborno relacionado à compra em 2006 de uma participação de 47% na Fórmula 1 através da instituição financeira Bayern Landesbank. As acusações contra Ecclestone alegam que o empresário britânico pagou ao banqueiro Gerhard Gribkowsky 33.5 mil euros de suborno para favorecer a CVC Capital Partners, que Ecclestone representou na venda, com a desvalorização das ações na Fórmula 1.

Ecclestone não contesta ter pago a Gribkowsky o dinheiro, mas afirma que o banqueiro o estava chantageando-o e que ameaçou revelar informações falsas às autoridades fiscais do Reino Unido. Gribkowsky foi condenado a oito anos e meio de prisão em 27 de junho de 2012 por receber o pagamento de Ecclestone. Os procuradores alemães, desde então, estão investigando o mandatário da F1.

“Acabo de falar com os meus advogados e eles receberam a acusação. Eles estão estudando o processo para a minha defesa. Vai ser um caso interessante. É uma pena que isso tenha acontecido”, explicou Ecclestone. Depois de Ecclestone responder às acusações, o tribunal decidirá se irá leva-lo ao tribunal e o processo judicial poderá começar em meados de setembro. Se for condenado, Ecclestone pode ser condenado a prisão. Será?

Jorge Finardi Filho

 


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español