Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

ENCALHOU: PRODUÇÃO DO VIPER PARA POR DOIS MESES

Compartilhe!

948x624

Não dá mais para esconder: a trajetória comercial do novo Dodge Viper está desiludindo o mais fanático admirador do modelo. A SRT, divisão responsável pela produção do Viper, foi obrigada a suspender a produção do superesportivo por dois meses, devido à falta de procura. A decisão não chega a surpreender. Nos primeiros oito meses de mercado foram vendidas apenas 426 unidades e, atualmente, a SRT tem em estoque unidades suficientes para mais de um ano de encomendas.

Apesar das várias tentativas de Ralph Gilles, CEO da SRT, de tranquilizar o mercado, é impossível esconder o fracasso comercial da terceira geração do Viper. Nos dois primeiros meses deste ano foram vendidas apenas 91 unidades, número muito abaixo da mais pessimista das expectativas para um modelo que custa o dobro do novo Corvette Stingray.

A ausência de caixa de câmbio automática é uma das críticas apontadas no novo Viper, que é “animado”, como sempre, por um imponente motor 8.4V10 -imagem do modelo- agora com 640cv e 81 mkgf de torque máximo.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español