Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Ex-segredo: Nivus, o novo SUV compacto e cupê da Volkswagen

Compartilhe!

A Volkswagen, como a maioria das montadoras, está encantada com os SUVs. O próximo modelo nacional da marca nesse formato, batizado de Nivus (antes era conhecido como T-Sport), será menor que o T-Cross e será feito sobre a plataforma do Polo. A carroceria seguirá o formato cupê e deverá chegar às ruas no primeiro quadrimestre de 2020. O SUV, que já está pronto e rodando em fase final de testes, foi flagrado por AUTO&TÉCNICA nas ruas de São Paulo.

Texto e fotos: Marcos Cesar Silva

A largura será a mesma do Polo (1,75 m), mas o SUV será mais alto: 1,55 m, contra 1,47 m do hatch, por conta do curso e altura maiores das suspensões, e também do novo conjunto de rodagem, 205/60-16 na versão de entrada e 205/55-17 no top de linha. Freios e sistema de direção deverão ser os mesmos do Polo TSI: freios a disco nas quatro rodas e direção com assistência elétrica. O porta-malas, com cerca de 300 litros de capacidade, será parecido com o do Polo.

No interior, como acontece no Polo e Virtus, o Nivus terá o painel digital Active Info Display (opcional) nas suas versões mais caras, e de resto seguirá o mesmo padrão de acabamento do T-Cross; os bancos do novo SUV do Polo também deverão ser semelhantes aos do T-Cross.

Na parte mecânica, a grande novidade do novo SUV ficará para a versão de entrada, que não terá o motor 1.6 MSI, devendo usar em seu lugar uma versão -menos potente- do 200 TSI, com novos turbocompressor e intercooler (que passará a ser nacional) e sem o variador de fase no comando das válvulas de escapamento, mas mantendo o sistema de injeção direta do 200 TSI.

Com isso, o Nivus com seu motor 1.0 turbo de três cilindros turbo terá 116 cv a 5500 rpm de potência máxima e torque máximo de 17,3 mkgf (ou 170 Nm, número que batiza a versão de entrada). Ainda nessa versão, o câmbio será manual de seis velocidades. 

 

E o preço? O SUV do Polo terá preços mais baixos que os do T-Cross, devendo começar nos R$ 70 mil e chegando aos  R$ 85 mil. As unidades de pré-série, como a que AUTO&TÉCNICA fotografou, começaram a ser montadas em outubro, e os carros de produção normal começam a ser fabricados em março, com início das vendas previsto para abril.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *