Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Ferrari: carros de Fórmula 1 de Lauda e Schumacher vão a leilão

Compartilhe!

Dois carros históricos à venda. Um é a Ferrari 312T pilotado por Niki Lauda, o outro é a F2002 de Michael Schumacher. Em comum os dois têm, além da marca, o fato de irem a leilão e por empresas diferentes.

Não há muitas dúvidas, Niki Lauda e Michael Schumacher são dois dos mais famosos e reverenciados pilotos da história da Ferrari (próximo deles talvez apenas nomes como os de Gilles Villeneuve ou, mais recentemente, Fernando Alonso). Por isso, dois carros pilotados por eles irem a leilão nunca passa despercebido.

O primeiro a ser vendido será a Ferrari 312T pilotado por Niki Lauda e com o qual conquistou o seu primeiro título em 1975. Com o chassi número 022, este exemplar foi usado em cinco GPs (neles Lauda partiu sempre na pole-position) e com ele o piloto austríaco venceu o GP de França, terminou em segundo na Holanda e em terceiro na Alemanha.

Equipado com motor V12, o 312T tinha ainda a caixa de velocidades montada transversalmente (daí o “T” no seu nome) e à frente do eixo traseiro. Será leiloada pela empresa Gooding & Company em Pebble Beach em agosto, e a 312T tem preço estimado em US$ 8 milhões.
 
Ferrari 312T
A Ferrari 312T com o chassi número 022 chegou também a ser pilotada por Clay Regazzoni.

Quanto à Ferrari F2002 de Michael Schumacher, esse vai ser leiloada pela RM Sotheby’s no dia 30 de novembro mas, ao contrário do 312T, não tem preço estimado. O carro em questão tem o chassi número 219 e conta com motor V10.

Ferrari F2002

Parte dos lucros do leilão vão reverter para a fundação “Keep Fighting Foundation”, organização de caridade fundada pela família de Schumacher após o acidente de ski que o piloto sofreu em 2013.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *