Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

FIAT TORO: muito mais que uma simples pickup

Compartilhe!

A pickup Toro será um divisor de águas dentro da Fiat. Não chega a ser grande como as pickups médias do mercado, mas traz atrativos como motor turbodiesel e tração nas quatro rodas, inexistentes nas pickups compactas.

fiat_toro_volcano_005 (640x427)

Com estas credenciais a Toro, nova pickup da Fiat, que vai ocupar um espaço acima da Strada. Seu nome diz tudo, remetendo para valentia e robustez, a novidade pernambucana praticamente inaugura uma categoria no mercado brasileiro.

Mas ela não concorre com a Renault Duster Oroch, lançada no final do ano passado? Sim e não. Aparentemente são do mesmo porte, mas a Fiat é maior e tem mais opções mecânicas, que a deixam um poco acima da Oroch. E mesma maior que a concorrente da Renault, fica longe das pickups puras, como Chevrolet S10, Nissan Frontier, Toyota Hilux e Ford Ranger.

UM POUCO DE CADA

Por fora um utilitário de desenho interessante, e por dentro um carro de luxo ou SUV. A Fiat Toro é quase uma mistura de SUV, pickup e automóvel. Tem versões com motores flex ou diesel, câmbio automático de seis ou nove marchas, ou manual de seis marchas. Serve preferencialmente para uso urbano mas se dá bem no fora de estrada, com sistemas de tração 4×2 ou 4×4. Um veículo para atender vários gostos e necessidades.

E tudo num porte interessante, com 4.91 m de comprimento. Isso permie que seja ágil no transito urbano, e com espaço para enfrentar qualquer viagem. Resumindo: a Fiat Toro é o que a marca de SUP (Sport Utility Pick-up), com o porte e a ergonomia de um SUV; a versatilidade de um fora de estrada; o conforto de um automóvel e a praticidade e espaço de uma pickup cabine dupla, para acomodar até cinco pessoas com conforto e segurança e capacidade de carga de até uma tonelada.

Com a Toro, a Fiat conseguiu desenvolve uma pickup monobloco baseada no Renegade, com alta resistência e baixa torção de carroceria. E recheada de tecnologias de ponta, tanto em conforto, desempenho, conectividade e segurança.

CINCO VERSÕES

É oferecida apenas com cabine dupla e quatro portas, em duas versões de acabamento (Freedom e Volcano, mais a edição limitada Opening Edition, de lançamento), duas opções de motores (1.8 flex e de 2.0 turbodiesel), duas de tração (dianteira e integral) e três de transmissão (manual e automática de seis marchas e automática de nove marchas).

São cinco versões, com preços entre R$ 76.500 e R$ 116.500, que logo deverão ganhar a companhia de uma versão de entrada, de acabamento mais despojado, motor flex e câmbio manual. A garantia de três anos pode ser estendida por mais um ou dois.

Para isso vale a longa experiência da Fiat em pickups, com mais de 15 anos de liderança da Strada no mercado brasileiro, e também o know how do grupo FCA (Fiat Chrysler Automobiles), que agregou à marca italiana a possibilidade de novos e modernos projetos. Além disso, a FCA conta com os recursos industriais do recém-inaugurado Polo Automotivo Jeep, em Goiana (PE), de onde sai a Toro.

Galeria de fotos Toro Freedom 1.8 Flex

PLATAFORMA “RENEGADE”

Em seu desenvolvimento, esse novo modelo foi pensado para ter desenho original e arrojado, além de oferecer ótima dirigibilidade, ergonomia, qualidade de acabamento e praticidade de uso.

O Fiat Toro foi construída sobre a plataforma global Small-Wide, a mesma do Renegade. Comparada com a Renault Oroch, ela tem mais 22,2 cm no comprimento (4,91 metros) e 2,3 cm na largura (1,844 m), menos 1,5 cm na altura (1,68 m na versão flex) e mais 16,1 cm na distância entre-eixos (2,99 m). A suspensão traseira independente multilink é diferente da usada pelo Renegade, que usa sistema McPherson.

Como essase plataforma é modular, foi ampliada para acomodar uma carroceria maior e com caçamba, dentro de uma estrutura monobloco reforçada.   Essa carroceria é forte, segura, durável e inteligente, apoiada em suspensões independente nas quatro rodas.

A TAMPA

Outra boa novidade é a tampa da caçamba bipartida, patenteada pela FCA, com duas pequenas portas que se abrem lateralmente, com a possibilidade de abertura de somente uma delas. Leve, a tampa facilita o acesso ao compartimento de cargas ―uma grande caçamba de 820 litros- que pode ganhar opcionalmente ainda mais 405 litros com seu inédito e exclusivo extensor, aumentando o comprimento da caçamba e permitindo maior praticidade. E dentro da legislação.

O Fiat Toro traz o melhor do desenho da marca, pensado para agradar consumidores no Brasil e em outros mercados. Seu desenho é global, desenvolvido no Brasil com a integração do design mundial FCA. Imponente, ele reúne beleza, inovação, força e agressividade.

Galeria de fotos Toro Volcano 2.0 Turbodiesel

Seu estilo impressiona bem, deixando longe o padrão tradicional do segmento. Na frente, a solução adotada pelos faróis lembra a de alguns modelos Jeep, com leds para luz diurna no alto, junto à borda do capô, acima dos faróis principais de duplo refletor. Os faróis auxiliares ficam mais abaixo.

Envolvendo toda a carroceria, o conceito “Wrap Around” acrescenta modernidade e fluidez ao desenho, onde as linhas de cintura elevadas marcam o estilo da Toro, até chegar à tampa traseira dupla. Essa linha de cintura elevada enfatiza a sensação de proteção e dinamismo. Por sua vez, as caixas de roda alargadas e envolventes reforçam a imagem de força do modelo.

Na traseira, a inovação foi ainda maior. A solução usada na tampa foi um achado, e muitas marcas devem esgotar se perguntando como não pensaram nisso antes. As lanternas traseiras com leds também inovam com o posicionamento horizontal, recurso que alarga e eleva visualmente o modelo.

Galeria de fotos Toro Freedom 2.0 Turbodiesel

 

INTERIOR

Por dentro, tudo foi planejado para oferecer conforto, excelente ergonomia e a sensação de qualidade de carros de luxo. Detalhes internos ―como elementos em cromo acetinado, composições de cores e revestimento em couro nos volantes― garantem a sensação de luxo e sofisticação.

O painel tem desenho moderno, que combina com as linhas ousadas do modelo; o volante multifuncional com “borboletas” para as trocas de marcha e a Central Multimídia Uconnect Touch NAV de cinco polegadas. Tudo com muita interatividade e personalização.

Com carroceria e bancos elevados, a sensação é de se estar ao volante de um SUV. Os bancos trazem regulagem elétrica na dianteira (o do passagheiro é muito alto, sem regulagem de altura). E com o amplo espaço interno, os passageiros nos bancos traseiros viajam com conforto. Para completar, o porta-objetos no console é refrigerado, e as laterais do painel têm luzes noturnas, outra forma de reforçar a sensação de exclusividade.

SUSPENSÕES

A pickup Toro não é só confortável, bonita e atraente, mas também muito agradável de dirigir. Boa parte desta sensação vem da suspensão totalmente independente na dianteira e traseira, solução inteligente e funcional entre as pickups. A dianteira traz o sistema McPherson e a traseira é uma sofisticada “multilink”. A fixação à carroceria é feita por apoios de elementos elásticos especiais, que garantem bom isolamento e silêncio para os ocupantes, mesmo em pisos esburacados.

Este bom acerto das suspensões independente garantem a melhor dirigibilidade, estabilidade e agilidade em qualquer tipo de terreno ou desvio de trajetória, mesmo carregando uma tonelada de carga.

Galeria de fotos Toro Opening Edition 1.8

O conjunto motor/câmbio  (1.8 Flex 16V com câmbio automático de seis marchas e 2.0 Turbodiesel 16V com câmbio manual de seis marchas ou automático de nove marchas) também ganhou bem cuidado sistema de fixação, inclusive com coxins hidráulicos, para isolar com eficiência o interior da Toro de ruídos e vibrações. A direção é com assistência elétrica.

SEGURANÇA

Ela também chega com ótimos sistemas de segurança passiva, como as linhas de deformação pré-programadas em várias áreas da carroceria (com diferentes tipos de aço), feitas para absorver impactos, ou volante EAS (Energy Absorbing System), que também retém energia em acidentes. Além disso, a Fiat Toro pode contar com até sete airbags. Para as crianças, sistema Isofix.

Toda a tecnologia do modelo já pode ser percebida quando se pega a chave “canivete” com telecomando. Basta que ela esteja na mão ou no bolso do motorista para que a entrada e a partida do motor estejam liberadas, sem a necessidade da chave. Além disso, o Toro traz a função “Remote Start”, o primeiro carro nacional com esta tecnologia: ela permite ao motorista ligar o veículo à distância, apenas pressionando o botão na chave.

AS VERSÕES

Toro Freedom 1.8 16V Flex AT6 4P

Essa atual versão de entrada vem com o motor 1.8 Flex, tração dianteira, já equipada com câmbio automático de seis  marchas.

O motor 1.8 E.torQ Evo Flex 16V foi aperfeiçoado especialmente para a Toro, ganhando o VIS (Variable Intake System), tecnologia que permite variar o fluxo de ar dentro do coletor de admissão, trazendo mais torque em qualquer rotação. Com o VIS, o Toro também ganhou maior potência máxima, chegando a 135/139 cv a 5.750 rpm (gasolina/etanol), além  do aumento de torque: 18,8/19,3 mkgf a 3.750 rpm (gasolina/etanol). Essa tecnologia aliada ao variador de fase do comando de válvulas revela mais de 80% do torque máximo do motor logo abaixo dos 2.000 rpm, faixa de utilização na maioria dos grandes centros urbanos. Um motor extremamente econômico na categoria e com respostas rápidas na cidade.

Usando o câmbio automático de seis marchas perfeitamente integrado ao motor, com gerenciamento eletrônico, a versão Freedom 1.8 16V garante bom desempenho com economia de combustível e baixa emissão de poluentes.

Mesmo sendo a versão de entrada, o Toro Freedom 1.8 Flex já vem muito bem equipado de série, com piloto automático com controlador de velocidade, computador de bordo (mostrando distância, consumo médio/instantâneo e autonomia) e quadro de instrumentos personalizável de 3,5 polegadas (com relógio digital, calendário e indicador de temperatura externa), ESC (controle eletrônico de estabilidade), Hill Holder (auxiliar de partida em subidas) e áudio Connect com comando no volante, tendo este regulagem de altura e profundidade.

Para o conforto, a versão Freedom traz também de série banco do motorista com regulagem de altura, abertura elétrica do bocal de abastecimento, ar-condicionado, direção elétrica, fixação Isofix para cadeira infantil, vidros e travas elétricas automáticas (fecham a 20 km/h), sensor de estacionamento traseiro e revestimento de caçamba, entre outros.

E ainda existem dezenas de opcionais, que vão de rodas de liga leve de 16 polegadas, side bags dianteiros, window bags, knee bags, sensor de pressão dos pneus até teto solar, passando por câmera de ré e estofamento parcialmente em couro.

Toro Opening Edition 1.8 16V Flex AT6 4P

Também com motor 1.8 Flex 16V e câmbio automático de seis marchas, a série especial de lançamento do Fiat Toro, a Opening Edition, traz ainda mais equipamentos e visual exclusivo. Além de tudo que já equipa a versão Freedom de entrada, ela conta ainda com rodas de liga leve de 16 polegadas com parafusos anti-furto, faróis de neblina, retrovisores elétricos rebatíveis com tilt down e luz de conforto, capota marítima na caçamba, ar-condicionado bizone, câmera de ré, volante revestido de  couro com “borboletas” para troca manual das marchas e central multimídia Uconnect Touch NAV de 5 polegadas. E tem mais: caracterizações exclusivas da versão, como revestimentos internos, protetor de soleira e emblemas alusivos a série especial.

Toro Freedom 2.0 16V Diesel 4×2 e 4×4

O Freedom também tem duas outras versões com o motor 2.0 Turbodiesel 16V da FCA. Tem potência máxima de 170 cv e mostra o excelente torque de 35,7 mkgf logo depois da marcha lenta, a apenas 1.750 rpm. Estas duas versões da Toro Freedom trazem sempre câmbio manual de seis marchas e podem ter tração 4×2 ou 4×4.

Elas trazem todos os equipamentos da Freedom 1.8 Flex, mais alguns itens exclusivos. A versão Freedom 2.0 diesel com tração 4×2 vem ainda com Skid Plate integrado ao para-choque dianteiro, rodas de aço de 16 polegadas Super Spoke e protetor de cárter.

A Toro Freedom 2.0 diesel 4×4 ainda vem de fábrica com Hill Descent Control (controle automático em descidas íngremes no fora de estrada), retrovisores externos elétricos com memória (tilt down/rebatimento/luz de conforto), terceira luz de freio, alarme e iluminação de caçamba.

Volcano, a top de linha

Como top de linha, a Fiat Toro tem a versão Volcano. Muito sofisticada e equipada, chega com as mesmas vantagens do motor 2.0 turbodiesel, com o sofisticado e eficiente câmbio automático de última geração de nove marchas e com tração nas quatro rodas.

É muito bem recheada de série. A Volcano conta com todos os equipamentos das versões anteriores, e traz mais: ar condicionado bizone, rodas de liga-leve de 17 polegadas, câmera de ré, central multimídia Uconnect Touch NAV de 5 polegadas, quadro de instrumentos com display em TFT de 7 polegadas colorido, faróis de neblina que acompanham as curvas, faróis principais com leds de segurança diurnos e muitas outras tecnologias. Uma versão completa.

MAIS NOVIDADES

A Toro chega nas concessionárias da marca com três anos de garantia completa de fábrica e ainda traz um novo conceito de serviço: o cliente poderá optar pela extensão desta garantia para mais um ou dois anos (paga, é claro), e desta forma o veículo poderá ter cobertura até o seu quinto ano de uso.

Outra comodidade que a marca  inaugurou com a pickup Toro é o plano de revisão sob medida, onde o cliente também poderá comprar “pacotes” de revisões programadas de acordo com o perfil de uso e motorização de seu veículo. São de duas a 10 revisões  para a versão Flex e de duas a cinco revisões para as versões Diesel. Outra novidade é o Custom Shop. A Toro é o primeiro modelo da Fiat a usar esse conceito, em que a personalização do veículo é feita ainda na fábrica, onde o veículo recebe os acessórios em uma linha de customização e depois retorna aos procedimentos finais de checagem e inspeção antes da entrega do veículo.

Com isto, ele ainda estende a garantia de seus acessórios para três anos, a mesma garantia de um produto saído direto da linha de montagem, e com a vantagem do cliente ter escolhido seu kit de acessórios no site da Fiat.

CONCLUSÃO

A Fiat espera vender 4.000 unidades mensais da Toro, sendo 40% de versões flex e as demais divididas entre diesel manual e diesel automática. É um volume alto para um veículo caro. É uma pickup inovadora e realmente bonita, tem conteúdo interessante e boas opções na parte mecânicas. Deve atrai usuários de picapes pequenas, que esperavam uma chance para mudar de segmento, e também os proprietários das médias, que buscam algo mais barato e prático para o dia a dia.

TABELA DE PREÇOS

 Freedom 1.8 Flex AT 6 Marchas 4×2: R$ 76.500,00
Opening Edition 1.8 Flex AT 6 Marchas 4×2: R$ 84.400,00
 Freedom 2.0 Turbodiesel MT 6 Marchas 4×2: R$ 93.900,00
Freedom 2.0 Turbodiesel MT 6 Marchas 4×4: R$ 101.900,00
Volcano 2.0 Turbodiesel AT 9 Marchas 4×4: R$ 116.500,00


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español