Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

GM anuncia: 20 carros elétricos em seis anos

Compartilhe!

A montadora que não se adaptar ao mundo dos carros elétricos, vai desaparecer. E rápido. Por isso, a General Motors anunciou a aposta total nos elétricos; a marca norte-americana promete pelo menos 20 novo veículos totalmente elétricos até 2023. O que não se sabe é se e o quanto disso estará disponível para o consumidor brasileiro

“A General Motors acredita num futuro totalmente elétrico”, afirmou Mark Reuss, vice-presidente de Desenvolvimento de Produto da empresa. “Embora esse futuro não aconteça imediatamente, a GM está empenhada em promover o maior uso e aceitação de veículos elétricos por meio de soluções que atendam às necessidades dos nossos clientes”.

Nos próximos 18 meses, a GM prevê colocar no mercado dois modelos que já estao sendo produzidos: o Chevrolet Bolt e o Chevrolet EV.

O anúncio dos novos modelos foi feito pela chefona da GM, Mary Barra, que explicou que a fabricante quer chegar a um futuro de “zero emissões”. O trabalho será feito em duas frentes: baterias elétricas e células de hidrogenio. Além de zero emissões, a empresa visa também “zero acidentes” e “zero congestionamento de tráfego”.

A GM apresentou ainda o SURUS –Silent Utility Rover Universal Superstructure– protótipo com quatro rodas movidas a célula de combustível numa carroceria de comercial, conduzido por dois motores elétricos. Com sua capacidade e arquitetura flexível, o SURUS poderia ser usado como um veículo de entrega, caminhão ou ambulância.

Chevrolet Bolt

 

A Volvo foi a primeira fabricante a apostar num futuro elétrico, anunciando a eletrificação dos seus modelos até 2020. Volkswagen, BMW, Mercedes-Benz e Jaguar Land Rover também revelaram planos semelhantes. Além da Chevrolet, fazem parte da General Motors as marcas GMC, Buick e Cadillac.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *