Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

GM COBRA PARA MOSTRAR O NOVO CORVETTE C7

Compartilhe!

Algumas marcas e modelos de carros nos Estados Undos beiram o fanatismo. Quer um exemplo disso? A GM está cobrando de 150 apaixonados pelo Chevrolet Corvette a quantia de U$ 995 (cerca de R$ 2000) cada, para serem os primeiros a ver de perto o novo Corvette 2014, num evento exclusivo em janeiro do ano que vem. Parece pouco, mas significa US$ 150 mil a mais no bolso de alguém.

Os US$ 995 pagos incluem duas noites de hotel, um jantar com  a equipe que desenvolveu o carro e o transporte por ônibus até Detroit. A viagem da cidade de origem até o local do evento é por conta de cada um. Esse grupo de fanáticos terá que custear ainda suas despesas de viagem, e vai acompanhar os jornalistas de todo o mundo convidados pela GM para a apresentação oficial do carro, no Salão de Detroit, dia 13 de janeiro. O ingresso dá direito também a assistir à coletiva de imprensa no dia 14, no estande da fabricante.

Uma curiosa inversão de valores. O Corvette C7 será a sétima geração do carro nos seus 60 anos de história. Ao invés da fábrica seduzir compradores, acaba cobrando um valor alto en troca de alguma prioridade para conhecer o modelo.

A renda dos ingressos vai para o National Corvette Museum, em Bowling Green, no Kentucky, príximo à fábrica onde o carro é feito. Os 150 convites oferecidos foram vendidos pelo site do museu em poucos minutos, e há até fila de espera. Apesar do museu ter pedido mais ingressos para a GM, a empresa não cedeu, pois quer manter a exclusividade que justicica o evento. Para evitar que grupos não pagantes compareçam ao evento, o local está sendo mantido sob segredo.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español