Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

GM E HONDA JUNTAS NA TECNOLOGIA DE CELULAS DE COMBUSTÍVEL

Compartilhe!

parceria-gm-e-honda

A  General Motors e Honda chegaram a um acordo comum para o desenvolvimento e criação de células de combustível e tecnologias de armazenamento de hidrogênio. O acordo entre as duas empresas dura até 2020. As duas gigantes da área de automóveis irão compartilhar conhecimentos, economias de escala e fornecedores de peças. Além disso, também vão trabalhar para criar uma infraestrutura de reabastecimento de hidrogênio.

gmhonda_1

“Esse acordo baseia-se na liderança da Honda e da GM em termos de tecnologia de células de combustível de hidrogênio. Estamos convencidos que é o melhor caminho para desenvolver esta importante tecnologia, que tem o potencial de ajudar a reduzir a dependência do petróleo e estabelecer a mobilidade sustentável”, explicou Dan Akerson, presidente e CEO da GM.

1323781662308_39

A GM e a Honda detêm em conjunto 1200 patentes de tecnologia de células de combustível, o que torna as empresas líderes na indústria automóvel, de acordo com o Clean Energy Patent Growth Index. As duas empresas acreditam que os veículos de emissões zero têm um futuro e que a utilização exclusiva de baterias não é necessariamente a melhor opção a longo prazo. As células de combustível oferecem uma melhor autonomia do que as baterias e têm um reabastecimento mais rápido.

As duas  empresas têm experiência em veículos de células de combustível. A GM construiu uma frota de 119 carros de teste de células de combustível que percorreram três milhões de milhas de testes (cerca de 4.8 milhões de km). A Honda aluga o modelo FXC a compradores desde 2002 e tem 85 unidades rodando. A marca está trabalhando no sucessor do FCX que deverá estar pronto em 2015.

Marcos Cesar

 


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español