Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

GM: LUCRO RECORDE EM 2011

Compartilhe!

Cruze: ajudando a GM a faturar.

Em 2011, a General Motors registrou os mais elevados lucros de toda a sua história. As vendas em alta nos Estados Unidos e China ajudaram a montadora a colocar US$ 7,6 bilhões em seus cofres, superando o recorde anterior de US$ 6,7 bilhões alcançado em 1977. Mas se o lucro foi excelente, a empresa perdeu terreno no último trimestre de 2011.Tanto a Europa quanto a América do Sul registraram prejuízos. Na Europa, por conta da crise  que assola aquele continente; na América do Sul pela falta de produtos atualizados no mercado, o que já está sendo contornado com o lançamento do Cruze, Cobalt e nova S10.

Também nos Estados Unidos as vendas caíram, mas a verdade é que a GM é uma empresa bem diferente do que era no final dos anos 1990: depois da crise, ficou mais enxuta, com dívidas menores e os custos com os funcionários e sindicatos agora é menos pesado. Na época da crise, o governo dos Estados Unidos comprou mais da metade da GM, mas a montadora já deixou de ser estatal. Porém, continua uma empresa mista, pois o governo americano ainda é dono de 26,5% das ações.

Com a Peugeot?

Para a Europa, a GM discute uma aliança comercial com a PSA – Peugeot Citroën, que busca alguma parceria depois de ter queda nos lucros em 2011. O objetivo é compartilhar plataformas e peças, e as negociações estão avançadas, mas sem nada definido. A discussão está sendo feita há meses e deve ser anunciada no mês que vem.

Renaissance Center, a sede da GM em Detroit.

Dan Ammann, diretor de Finanças da GM, explicou que a reestruturação da marca na Europa em 2011 reduziu as perdas de mais de US$ 1 bilhão em 2010, mas não foi suficiente. Ele afirmou ainda que a GM vai ter que cortar mão de obra e operações na região, onde a empresa tem muitas fábricas.

– Leia mais em SUPER CHEVY.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español