Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

GM MANTÉM O CLASSIC EM SÃO JOSÉ

Compartilhe!

Após reunião que durou quase 10 horas, a GM e sindicalistas chegaram ontem a (04/08) a um acordo que visa manter a produção do Chevrolet Classic naquela unidade e assim evitar demissões na fábrica da montadora em São José dos Campos (SP). Mas isso não vai evitar o afastamento temporário de 940 operários. A otimização de seu portfólio e a evolução dos métodos produtivos significam, em explicação simplista, que a empresa necessita de menos mão de obra, o que é natural.

O acordo também prevê um Plano de Demissão Voluntária (PDV) para todos os operários que trabalham no complexo da montadora. AInda pelo acordo, a GM anunciou que vai continuar a produzir o modelo Classic, na linha MVA (Montagem de Veículos Automotores) de São José dos Campos, que corria o risco de ser fechada. A nova pickup S10 continua sendo feita lá sem problema algum.

Segundo o acordo, o afastamento dos 940 operários será em regime lay-off (suspensão temporária do contrato de trabalho), e vai durar até novembro, total de três meses e 10 dias. Durante esse período, os operários vão receber bolsa do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalhador), e só parte do salário será pago pela montadora.

O acordo foi anunciado pelo Sindmetal (Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e Região). Segundo o sindicato, 1.840 operários corriam o risco de serem demitidos caso a produção do Classic, único modelo fabricado na MVA fosse interrompida, e essa unidade, fechada. Meriva, Zafira e Corsa eram feitos lá, mas os modelos foram substituídos por outros mais atuais.

Segundo o sindicato, as propostas serão apresentadas para os operários na próxima terça-feira e, caso aprovadas, o período de lay-off começa no mesmo dia. A GM explicou que foram abertas 1.848 vagas nas suas fábricas da GM entre 2008 e junho de 2012, e que esse número crescerá para 2.063 vagas até dezembro.

Antes disso, o sindicato havia feito uma proposta absurda: concentrar a produção do Classic em São José, fabricar ali o Sonic (o modelo é coreano) e voltar a fazer os caminhões Chevrolet/GMC na unidade, como se isso pudesse ser realizado em poucos dias ou meses.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español