Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Grupo VW destrona a Toyota e assume liderança mundial

Compartilhe!

Pela primeira vez, o líder mundial na indústria automobilística é uma marca européia, no caso o Grupo VW. Deixou Toyota e GM para trás.

images

Enquanto no Brasil a Volkswagen lamenta mais perdas do que ganhos, Martin Winterkorn e Ferdinand Piech -principais executivos do Grupo- com certeza abriram algumas garrafas de champanhe quando receberam a notícia: o Grupo Volkswagen é o novo líder mundial, tendo ultrapassado a Toyota com quase 10 milhões de veículos vendidos, assinalando um recorde para a empresa e para a história da indústria. Pela primeira vez, é um construtor europeu que ocupa essa posição.

O Grupo VW chega à liderança mundial, bem antes de 2018, data que havia programado para ocupar o lugar que era da Toyota. Alcança esse objetivo, mesmo com evidentes problemas de rentabilidade –a margem de lucro operacional está ainda num valor muito baixo– e dificuldades em algumas regiões do globo, e no ano que marca o 40º aniversário do modelo mais vendido de toddos os tempos da Volkswagen, o Golf.

O crescimento da Audi e Skoda (a primeira cresceu 9,3%, a segunda expressivos 10,2%) contribuíram para que o grupo tivesse vendido 9.919.305 unidades, mais 5% em relação a 2013.

O grupo Toyota cresceu 2,3% em 2014, insuficiente para parar o avanço dos alemães, ficando nas 9.818.609 unidades vendidas, mais 224.511 que em 2013, mas a 100 mil unidades de distância do grupo VW, que viu suas vendas crescerem 5%, ou seja, mais 441.681 veículos que em 2013.

A General Motors acabou 2014 no terceiro lugar, com 8.017.844 unidades comercializadas, menos 0,2% que em 2013 e a 2 milhões de veículos do grupo VW.

O top 5 é completado com a Aliança Renault Nissan, que vendeu 7.947.606 veículos (apenas 70 mil unidades menos que o grupo GM) e o grupo Hyundai Kia, que com crescimento de 4,1% chegou às 7,5 milhões de veículos comercializados.

Para fechar o top 10 dos líderes da indústria mundial, encontramos a Ford, que ficou ligeiramente abaixo das seis milhões de unidades vendidas (5.912.591 unidades), o grupo Fiat Chrysler Automobiles (FCA) que não chegou aos cinco milhões de veículos (4.558.007), a Honda atrás em pouco mais de mil unidades (4.457.477), o grupo PSA Peugeot Citroën (3.148.030) e, fechando este top 10, a Suzuki com 2.908.126 unidades vendidas. ALiás, destas, quem mais cresceu em 2014 foi a Suzuki, que vendeu 6.1% a mais de carros do que em 2013.

Top 10 Mundial 2014

1º Volkswagen, 9.919.305 (+5%)

2º Toyota, 9.818.609 (+2,3%)

3º General Motors, 8.017.844 (- 0,2%)

4º Renault Nissan, 7.947.606 (+2,7%)

5º Hyundai Kia, 7.550.383 (+4,1%)

6º Fiat Chrysler Automobiles, 4.558.007 (+5,8%)

8º Honda, 4.457.477 (+4,6%)

9º Peugeot Citroen, 3.148.030 (+5,8%)

10º Suzuki, 2.908.126 (+6,1%)


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español