Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Han EV: chinesa BYD lança concorrente do Tesla na Europa

Compartilhe!

A chinesa BYD, que de vez em quando ameaça dar as caras por aqui, apresentou o Han EV, o seu novo sedã premium totalmente elétrico e de alto desempenho, que terá uma missão dura pela frente: disputar mercado com o Tesla Model 3 na Europa.

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 1-byd_han_ev.jpg

Depois da BYD ter anunciado o seu programa de lançamentos para o mercado europeu, que começará no último trimestre deste ano com o lançamento do Tang EV600 na Noruega, a marca chinesa que quer ser rival da Tesla já revelou qual será o segundo modelo a desembarcar no Velho Continente: o Han EV.

O novo sedã da BYD traz uma nova identidade visual, que a marca denominou de “EV Dragon Face”, misturando elementos de um dragão tradicional chinês com sugestões de desenho europeu. Na verdade, você poderá procurar essas referências no visual do carro e não encontrar nunca…

A frente curvada e as luzes diurnas, segundo a BYD, mostram o formato de um dragão chinês, combinando o estilo com a funcionalidade, enquanto a traseira é marcada por conjunto de iluminação bem estreito, que atravessa toda a largura do novo Han EV.

Huawei 5G to roll out in 120 car models, starting with BYD Han EV ...

Este modelo será o primeiro automóvel de passageiros totalmente elétrico da marca equipado com a inovadora tecnologia “Blade Battery”, que permite, de acordo com a BYD, maior segurança e mais autonomia.

A BYD confirmou que o Han EV está equipado com as mais recentes baterias de fosfato de ferro e lítio, que permitem autonomia de 605 km e aceleração de zero a 100 km/h digna de um esportivo: em 3,9 segundos.

A marca chinesa anunciou ainda que ainda que o modelo conta com um sistema inteligente de assistência ao motorista –o DiPilot– que utiliza a mais recente tecnologia 5G, permitindo “experiência de condução mais inteligente e mais conectada”.

Em relação a preços, a BYD afirmou que o novo Han EV –que será lançado em junho na China e depois na Europa– deverá custar entre US$ 50 mil e US$ 60 mil.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *