Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Híbrido: Volkswagen apresenta o SUV Cross Coupe GTE

Compartilhe!

Enquanto no Brasil a Volkswagen amarga greve, demissões e mudança de presidente, no resto do mundo vai muito bem e está mostrando no Salão de Detroit o novo conceito Cross Coupe GTE. Este veículo é uma versão de cinco lugares do CrossBlue Coupé, que recebeu várias alterações de desenho e motorização. O Cross Coupe GTE deverá dar origem a um novo modelo que deve chegar ao mercado até ao final de 2017.

_o_cross_coupe_gte_devera_dar_origem_a_um_novo_modelo_que_de_large_242898

O modelo que surgirá deste novo conceito pretende ser uma alternativa mais barata ao BMW X6 e vai fazer parte da ofensiva que a Volkswagen está prepararando para o mercado norte-americano, apoiada numa linha renovada de SUVs. Por esse motivo, o responsável pelo desenho do Cross Coupe GTE, Klaus Bischoff, afirma que o conceito apresenta vários elementos de design que farão parte do visual da nova linha de SUVs da marca.

A frente do novo Cross Coupe GTE é dominada por elementos horizontais, a começar pela grade que ocupa toda a largura do veículo e faróis de LEDs de pequena dimensão. Nas laterais o GTE apresenta ressaltos maiores na região das rodas além de uma linha de cintura que cruza as portas. Na parte traseira o veículo é dominado pela tampa do porta-malas de grandes dimensões e pelo vidro bastante inclinado com um grande spoiler no alto.

Em comparação com o recém-atualizado Touareg, o Cross Coupe GTE é 52 mm mais longo, 90 mm mais largo e 26 mm mais alto, com 4847 mm de comprimento, 2030 mm de largura e 1736 mm de altura.

No interior a Volkswagen deu ao Cross Coupe GTE capacidade para cinco adultos acomodados num ambiente contemporâneo, que tem o painel de instrumentos sem os enfeites excessivos que era um dos destaques do CrossBlue Coupe.

Além de mostrar a nova linha de design SUV da Volkswagen, o Cross Coupe GTE serve também para apresentar a nova motorização plug-in híbrida da marca alemã, que deve ser introduzida nos modelos de médio e grande porte nos próximos anos.

A nova motorização combina um motor 3.6V6 a gasolina e dois motores elétricos, um colocado na frente e outro na traseira. No total os três motores tem potência máxima combinada de 360 cv. A potência é transmitida por meio de uma caixa de câmbio de dupla embreagem de seis velocidades, que tem a capacidade de permitir tração dianteira, traseira ou integral.

Segundo a Volkswagen, este sistema permite que o Cross Coupe GTE atinja os 100 km/h em 6 segundos e tenha velocidade máxima de 209 km/h. Em modo elétrico o veículo tem autonomia de 32 km.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español