ÖV4 1927: primeiro carro da Volvo completa 90 anos

Foi para combater o clima severo e a elevada taxa de acidentes nas estradas suecas que Assar Gabrielsson e Gustav Larson criaram a Volvo. Hoje, 90 anos depois do primeiro modelo, o objetivo mantém-se, mas a fronteira não é mais o frio sueco, e sim o mundo.

volvo-2

O dia 14 de abril de 1927 não a data em que surgiu a ideia de criar a, nem o dia da constituição da empresa. Foi sim quando o primeiro Volvo, um ÖV4, saiu pelo portão da fábrica de Lundby, em Gottemburg.

Na esquerda, Hilmer Johansson, ao volante do primeiro Volvo ÖV4, em 1927. Já em 2012, Stefan Jacoby, então chefão da Volvo Car, e Olof Persson, chefão do Grupo Volvo, reproduziram aquele momento ao volante do mesmo Volvo ÖV4.

Lá pelas 10 horas da manhã, Hilmer Johansson, diretor de vendas da marca sueca, levou para a rua o Volvo ÖV4 (no alto) que ficaria conhecido como “Jakob”, um conversível pintado de azul escuro com para-lamas pretos, equipado com um motor de 4 cilindros.

Velocidade máxima? Interessantes 90 km/h. No entanto, a marca aconselhava que a velocidade de cruzeiro fosse de 60 km/h. A carroceria era construída sobre um quadro de madeira, coberta com uma folha metálica e disponível nesta única combinação de cores.

“Os automóveis são conduzidos por pessoas. Por isso, tudo o que fizermos na Volvo deve contribuir, antes de mais nada, para a sua segurança”.

Foi com esta frase que os dois fundadores da Volvo, Assar Gabrielsson e Gustav Larson (na foto abaixo), deram a orientação para a criação do conceito de segurança, que surgiu como resposta a um vazio de mercado. A inexistência de um automóvel suficientemente robusto e preparado para os rigorosos invernos da Escandinávia e a elevada taxa de acidentes nas estradas suecas nos anos 1920 preocupavam Assar e Gustav.

Desde então, se passaram 90 anos, e ao longo deste período, o foco na segurança e nas pessoas não se alterou. Desde o cinto de três pontos, à terceira luz de freio, passando pelos airbags, detecção de pedestres e automóveis com frenagem automática, foram muitas as inovações com a assinatura da Volvo.

A história da Volvo do Brasil começa em 1934, quando aconteceram as primeiras entregas de produtos da marca no Brasil: um automóvel e quatro caminhões. Depois deste primeiro desembarque de veículos no porto do Rio de Janeiro, a marca começou seu caminho de sucesso em território brasileiro. No ano seguinte, as importações de veículos da marca alcançaram 81 unidades.
Mais do que com automóveis, a Volvo é conhecida aqui pela qualidade de seus caminhões. Os carros, de excelente qualidade quando novos, padecem desde a reabertura das importações nos anos 1990 com a falta de peças, pós-vendas deficiente e incorrigíveis problemas mecânicos -em especial nas transmissões automáticas- que desvalorizam os modelos em níveis assustadores.

Tags:

 

Sobre o Autor

Mais posts por | Visite o site de RICARDO CARUSO