Rallycross: este Renault Mégane é de tirar o fôlego

A equipe Prodrive anunciou que irá participar do Mundial de Rallycross (World RX) em 2018, desenvolvendo e construindo um super Renault Mégane.

2018-renault-megane-rs-rx_2

Esta oportunidade surgiu da parceria entre a Prodrive e Guerlain Chicherit, atleta e piloto francês, campeão mundial de Free Skiing, vencedor do FIA Cross Country Rally World Cup, participante no Dakar e piloto de acrobacias nas horas vagas com diversos recordes (está aí um cara de agenda lotada…).

“Estou muito satisfeito em trabalhar com o pessoal da Prodrive, é um sonho de longa data. Tenho a certeza de que, com esta equipe e com o apoio que temos, seremos capazes de produzir um carro que realmente terá impacto nas pistas. Confio absolutamente na Prodrive para construir o melhor carro e estou contente por trazer a minha marca e parceiros ao campeonato em 2018″.

A Prodrive irá desenvolver um modelo de rali com base no Renault Mégane, incluindo a preparação de um motor exclusivo de 2 litros com potência máxima que deverá rondar os 600 cv. Do Renault Mégane original pouco ou nada restará, além das lanternas, faróis e alguns painéis exteriores.

Guerlain Chicherit nunca escondeu a sua paixão pelo campeonato mundial de Rallycross, participando em diversas provas dos campeonatos de 2015 e 2016 ao volante de um Mini RX Supercar, da JRM Racing, modelo originalmente desenvolvido pela própria Prodrive. Também foi com o Mini RX que a Prodrive garantiu a primeira vitória nesse campeonato, com Liam Doran, piloto inglês, no X-Games de 2013, que aconteceu em Munique, na Alemanha.

2018-renault-megane-rs-rx_6(1)

Para o campeonato de 2018, Guerlain Chicherit terá a sua própria equipe, a GCK, e claro, seu próprio carro.

Tags:

 

Sobre o Autor

Mais posts por | Visite o site de RICARDO CARUSO