Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Mansão de Schumacher transformada em hospital

Compartilhe!

948x624

Um pequeno passo de cada vez, e Michael Schumacher prossegue com sua lenta recuperação do grave acidente sofrido em dezembro do ano passado, quando esquiava em Méribel, nos alpes franceses.

O ex-piloto de Fórmula 1 já se encontra já em sua bela mansão, em Gland, na Suíça, atendido por uma equipe de 15 pessoas, entre médicos, fisioterapeutas e enfermeiros. O objetivo é apenas um: manter o alemão estável e assistido durante o período de recuperação.

A equipa responsável pelo tratamento de Schumacher foi estruturada pelo hospital de Lausanne, onde o piloto esteve internado nos últimos meses. “Uma grande parte da equipe que cuida agora do Michael foi treinada pelos nossos especialistas. Estamos seguindo com seu tratamento e somos ainda um ponto de contato constante e inteiramente à sua disposição”, confirmou a porta-voz da clínica de Lausanne, Darcy Christen.

Não se conhecem detalhes sobre o estado de saúde de Schumacher, com a assessora da família, Sabine Kehm, explicando apenas que não sofreu alterações e garantindo que “há ainda um longo e difícil caminho pela frente”.

Mafred Spitzer, diretor médico de um hospital especialista em problemas cerebrais, defende que a mudança -do hospital para casa- vai beneficiar a recuperação, pois “qualquer estímulo emocional é muito importante para os pacientes que sofreram graves lesões cerebrais”.
948x625 948x626 948x627 948x628 948x629


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español