Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Mercedes-Benz quer elétricos com 500 km de autonomia

Compartilhe!

Pelo menos 500 km de autonomia. Esta é a meta para a próxima geração de modelos 100% elétricos da Mercedes-Benz, para que possam ser uma verdadeira alternativa aos motores convencionais.

2014-mercedes-benz-b-class-electric-drive-side-in-motion

O chefão da Daimler afirmou que os carros elétricos só serão uma alternativa aos modelos com motor a combustão se tiverem pelo menos 499 km de autonomia. Em declarações à imprensa norte-americana, Dieter Zetsche diz que este é um número sensato com que se pode trabalhar. Contudo, o alemão reconhece que não há uma fórmula mágica que faça o consumidor passar a comprar carros elétricos: “não sei se o ponto de mudança será daqui há dois anos”.

Para agora, Zetsche explica que é preciso apostar em baterias mais baratas, que refletirão em carros com custo mais barato, de forma a tornar o produto mais competitivo. O chefão acredita ainda que retirar os elétricos de nichos de mercado e investir em infraestrutura para estes modelos são passos decisivos para a sua disseminação. Além disso, a aposta em mais híbridos plug-in será importante para a popularidade dos elétricos.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español