MOTO: MORREU A PILOTO VANESSA DAYA

Compartilhe!

NXd2S_256123c9a8b713ec2709951da61b07c9

A bruxa continua rondando as pistas. A piloto Vanessa Daya, campeã brasiliense de motovelocidade, faleceu na madrugada desta quarta-feira (17/7), após sofrer grave acidente na terceira etapa do Campeonato Regional, no Autódromo Nelson Piquet, no último domingo (14/7). Segundo o Hospital de Base, Vanessa morreu por volta de 4h45.

Durante prova da categoria Superbike Batom, Vanessa, de 31 anos, perdeu o controle da sua moto e caiu. A moto caiu sobre ela, o que provocou graves fratura na face e um edema cerebral. Ela foi atendida no local pelo médico Christiano Flores e, em seguida, foi levada ao Hospital de Base.

970242_554160641296123_841333908_n

Vanessa chegou ao hospital com o capacete rachado e hemorragia interna. A organizadora do regional, Capital Racing, divulgou nota, assinada por Flores, na madrugada da segunda-feira (15/7). “Foi necessária a colocação de catéteres para estabilizar a pressão intracraniana e um para drenagem no tórax”, explica o texto. Segundo a assessoria de imprensa do Hospital de Base, Daya passou por cirurgia, ainda no domingo, acompanhada por cinco médicos, e depois foi internada na UTI, onde ficou em coma induzido até falecer.

Uma pena.


Compartilhe!
简体中文 简体中文 English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano 日本語 日本語 Português Português Español Español