MOTO&TÉCNICA: a selvagem BRABUS KTM 1300 R

Compartilhe!

A BRABUS apostou nas duas rodas, e a 1300 R é finalmente realidade. Depois de inúmeras especulações, esta edição exclusiva ganhou vida. Limitada a apenas 154 unidades, 77 delas serão vendidas na cor Magma Red. As 77 restantes estarão em Signature Black. A má notícia é que todas as unidades já estão esgotadas, vendidas poucas horas depois de terem sido anunciadas.

por Ricardo Caruso

BRABUS aposta em duas rodas com este selvagem KTM 1290 Super Duke R Evo

Com base no KTM 1290 Super Duke R Evo, essa colaboração entre as duas empresas usa o motor LC8. Produz 180 cv de potência máxima a 9.500 rpm e 14 mkgf de torque máximo a 8.000 rpm. O motor usa embreagem anti-patinagem PASC, hidráulica, e é capaz de acelerar de zero a 100 km/h em apenas 3,2 segundos.

A suspensão usa amortecedores WP Apex semi-ativos, com seis modos de condução, indo desde conforto até um acerto para pista (Comfort, Street, Sport, Track, Advanced e Auto), além de uma configuração de ajustes automáticos. Além disso, a mola traseira pode ser ajustada em até 20 mm, simplesmente usando o menu encontrado no painel digital com tela de 5 polegadas que também abriga os instrumentos. Há também uma regulagem anti mergulho em frenagens.

Deve-se notar que existem três configurações automáticas de nivelamento de pré-carga. Eles mudam automaticamente para acomodar o peso do piloto, incluindo compensação para um passageiro quando necessário.

A BRABUS coloca magia em tudo que toca, e com esta KTM não ia ser diferente. A fibra de carbono é a protagonista desta moto. Está presente na caixa do farol, nos dutos de ar, no para-lama dianteiro, na pequena tomada de ar para ventilar os freios, na bandeja inferior, no protetor de corrente, no protetor de pé, nas tampas da embreagem, no gerador e no tanque…

As peças usinadas incluem as alavancas de freio e de embreagem, reservatórios e tampa do reservatório de óleo, pedais e outros detalhes. O peso é de 194 kg e a altura do assento é de 845 mm. Destaque para as rodas forjadas, BRABUS Monoblock Z, de 17 polegadas. Elas são calçadas com pneus Bridgestone S22 Battlax. O sistema de freios consiste em um par de discos de 320 mm na frente. Eles são equipados com pinças Brembo Stylema de quatro pistões. No eixo traseiro há um único disco de 240 mm, acoplado a uma pinça de dois pistãos, também da Brembo. Sistema ABS é de série.

Não menos impressionante é o escapamento duplo da BRABUS. Basta ouvi-lo no vídeo abaixo para saber que você ninguém precisa mais do que ele oferece. Outros destaques são a bateria de lítio, o assento aquecido personalizado, as manoplas aquecidas, tampa do tanque sem chave (usa chave presencial) e o curso rápido do acelerador. Não falta uma plaquinha numerada indicativa da série.

Com a velocidade das vendas, ficou claro que a moto agradou em cheio, e outras incursões da BRABUS no mundo das duas rodas devem se repetir.


Compartilhe!
简体中文 简体中文 English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano 日本語 日本語 Português Português Español Español