Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

NISSAN MOSTRA O ZEOD PARA LE MANS

Compartilhe!

ni1

Cada vez mais os carros se parecem com carros. O Automobile Clube de l’Ouest (ACO), que organiza a “24 Horas de Le Mans”, criou a “Garagem 56”, espaço para projetos futuristas ou que utilizem tecnologias avançadas. No ano passado esteva lá o Delta Wing, com apoio Nissan. Este ano o carro a hidrogênio não compareceu e não há nada de relevante na “Garagem 56”. Mas para o ano que vem, a Nissan promete regressar com o ZEOD, um renovado Delta Wing agora híbrido.

ni2

O Nissan ZEOD (ZEOD significa Zero Emission on Demand) estará na “Garagem 56” no próximo ano, exibindo motorização híbrida que, por enquanto, ainda é desconhecida. A base será o Delta Wing do ano passado mas com outra roupagem.

ni3

Antes de chegar à prova de 2014, a Nissan vai testar várias combinações de modelos híbridos para decidir qual utilizar. Para agora, a marca nipônica assegura que o ZEOD conseguirá chegar aos 300 km/h e fazer os mesmos tempos que uma Ferrari 458 GT2 com alimentação elétrica.

ni4

O Nissan ZEOD foi pensado de forma flexível, para poder acomodar diferentes mecânicas, porém há a certeza que utilizará a mesma tecnologia de base do Nissan Leaf EV, com baterias modernas para atender à maior exigência de um veículo de competição, inclusive utilizando energia recuperada das frenagens para recarregar as baterias.

Sendo convidada para competir na “Garagem 56”, a Nissan não terá de se submeter aos regulamentos do ACO e da FIA para modelos híbridos, a que Audi e Toyota estão obrigadas a seguir. Assim, poderá levar aos limites a tecnologia.

Como todos sabem, o Toyota TS030 e o Audi R18 e-tron utilizam a mecânica híbrida apenas em curtos períodos. No caso do ZEOD, o piloto pode usar a parte elétrica ou o motor normal a seu gosto. Seja como for, os responsáveis do projeto –entre eles Ben Bowlby, envolvido no projeto Delta Wing e agora nomeado Diretor de Inovação de Esportes Motorizados da Nissan– querem que o ZEOD seja capaz de fazer a volta no circuito de La Sarthe (13,8 km) apenas com alimentação elétrica e em ritmo de competição.

Segundo a Nissan, a aerodinâmica foi pensada para ser a mais eficiente possível e permitir que o ZEOD alcance velocidades de 300 km/h com o mínimo de consumo, sendo que os cálculos dos engenheiros apontam para um tempo por volta mais rápido que da Ferrari 458 GT2, ou seja, menos de 4 minutos para contornar os mais de 13 km do circuito.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español