Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

O CORVETTE -A ETANOL- DE JAY LENO

Compartilhe!

Mais um na coleção de Leno, um dos melhores acervos do mundo.

O apresentador Jay Leno é um incorrigível apaixonado por carros e motos. E que essa paixão se transformou numa das melhores coleções de carros do mundo não é segredo para ninguém. Mas a novidade agora fica por conta do combustível utilizado em um de seus carros: o etanol. O E85 (nomenclatura usada para este tipo de combustível nos Estados Unidos) é uma mistura diferente da que temos aqui. Trata-se de 85% de etanol e 15% de gasolina, para facilitar a partida a frio.

Assim, o apresentador do “Tonight Show”, tem agora  em sua coleção um exemplar movido a combustível vegetal, com 600 cv disponíveis debaixo do capô. Para isso, Leno escolheu um Corvette Z06, que já traz um sensível incremento de potência em relação à versão regular em linha.

Visual do Corvette sempre impressiona.

Muito conhecida por aqui, a relação entre etanol e potência foi provada ao público norte-americano nesta Corvette C6RS, que já foi até exposta no SEMA. Note que o “S” do logotipo é pintado de verde, fazendo alusão ao combustível ecológico. Para a modificação, Leno recorreu à tradicional Pratt&Miller, empresa que projetou e construiu a Corvette C6R, versão de pista da C6. “O C6RS é o resultado de uma idéia que tivemos para provar que carros high-performance e tecnologia de combustível alternativo não eram conceitos totalmente opostos”, explicou Leno.

 

MOTOR

Transformar motor movido a gasolina em etanol requer basicamente aumento da taxa de compressão e da quantidade de combustível injetado, e proteger da corrosão as partes em contato com o álcool. Mas nesse caso, mais do que uma modificação de combustível, a intenção também foi aumentar muito a performance do já consagrado modelo Z06, que serviu de base.

Mais de 600 cv de potência máxima debaixo do capô.

O motor é um 8.2V8, com aproximadamente 600 cv, desenvolvido pela Katech, empresa que cuida da fabricação dos motores do modelo C6R, destinados à competição, partindo do bloco original de alumínio. O cabeçote, coletor de admissão e sistema de lubrificação também foram mantidos originais. Virabrequim, pistões e bielas são de aço forjado, fabricados pela Katech.

O sistema de alimentação foi todo modificado, com terminais e tubulações trocados por outros protegidos de corrosão, assim como a injeção eletrônica que teve que ser remapeada, tudo para o correto funcionamento com o E85, que exige maior volume do combustível injetado. O câmbio é manual, de seis velocidades caixa T-56, com embreagem de discos duplos fabricada pela Centerforce.

Corvette de Leno foi montado a partir de um Z06.

O conjunto de escapamento é de competição, com coletores e tubos da marca Corsa. Para melhorar o arrefecimento, foi encomendado um radiador da marca DeWitt, com grandes ventoinhas duplas. Os freios são Brembo com pinças de seis pistões na dianteira e de quatro pistões na traseira, conjunto semelhante ao usado pelos Corvette de pista.

Com todos esses ingredientes, a Pratt&Miller montou o carro de Leno baseado na tecnologia de competição, usando acessórios e peças de fabricantes tradicionais e também próprios, mas ainda apropriado para uso em ruas.

 POR DENTRO…

Internamente, a C6RS tem acabamento primoroso em couro vermelho, não lembrando em nada a simplicidade espartana dos carros de pista. Sua vocação aparece apenas quando é virada a chave e o motor emite o som de um autêntico modelo de corrida, música para poucos.

 Todas as partes são revestidas em couro em tons vermelho e preto. A inscrição C6RS aparece nos encostos dos bancos e também ao lado direito do painel, esta última levando o nome do fabricante desta versão.

Interior refeito de maneira irretocável.

 Para minimizar o efeito do calor do motor dentro do habitáculo, optou-se por fixar placas de fibra de carbono do compartimento, direcionando o ar quente para a área externa. Um outro revestimento especial foi usado em toda a área interna para evitar o excessivo ruído do motor.

 …E POR FORA

Na parte externa, o Corvette C6RS se assemelha à versão de pista, com saias laterais, spoiler dianteiro e defletores traseiros mais próximos do piso. Na traseira, saídas especiais para as quatro ponteiras de escapamento, e luz de ré integrada na parte superior, com leds , tudo feito em fibra de carbono.

Na dianteira, saídas de ar na parte superior dos pára-lamas, bem ao estilo Le Mans e pára-choque alargado para abrigar as novas rodas. A versão de Leno é cerca de 4 cm mais larga que a versão em linha. Por dentro do pára-choque, mais peças em fibra, como as entradas de ar dos freios dianteiros e um enorme coletor de ar, direcionado ao cabeçote do motor.

A garagem do apresentador: uma das melhores do mundo.

O visual é finalizado por rodas BBS de 18 polegadas na dianteira e 19 polegadas na traseira, com pneus 295/30 e 345/30 respectivamente.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español