Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Obra de arte: este é o novo motor 1.2 turbo da Toyota

Compartilhe!

A disputa na área dos motores a gasolina de baixa cilindrada com turbo e a injeção direta está cada vez mais intensa nos mercados desenvolvidos, não no Brasil. A Toyota, uma das maiores fabricantes do planeta, não podia ficar de fora e participa da festa com o novíssimo 1.2 D-4T.

toyota-8nr-fts-12l-turbo-engine-detailed_1-750x400

Na sua ficha técnica encontramos um motor de 1196 cm3, capaz de desenvolver 116 cv de potência máxima a 5.200 rpm e com fôlego para ir até 5.600 rpm. Quanto ao torque máximo, são respeitáveis 18, 5 mkgf, que graças ao seu pequeno turbocompressor estão disponíveis já a 1.500 rpm e mantêm-se até 4000 rpm, deixando imaginar boa desenvoltura para os baixos e médios regimes.

Mas para chegar a estes valores os engenheiros da Toyota repensaram algumas formalidades técnicas, em especial o seu próprio ciclo de funcionamento. Ao contrário do que é padrão na indústria automotiva, a Toyota não recorreu ao ciclo Otto (mais comum), mas criou um motor com ciclo Atkinson (veja vídeo).

A vantagem deste ciclo aparece no nível térmico, podendo ser até 36% mais eficiente neste quesito do que um motor  de ciclo Otto equivalente. Mas não é tudo, o novo comando variável de válvulas VVT-iW permite que o ciclo Atkinson seja constantemente cumprido, fazendo com que a taxa de expansão seja sempre maior que a já elevada taxa de compressão deste pequeno motor, que é de 10:1.

toyota-8nr-fts-12l-turbo-engine-detailed_3-750x750

O turbocompressor usado pela Toyota é “single scroll” (entrada única) na admissão para os quatro cilindros, ajudado por um coletor de escapamento arrefecido a água, que permite melhores respostas do motor e torque máximo constante. Do lado da admissão, o coletor foi trabalhado de forma a proporcionar turbulência no fluxo de ar, o que permite mistura mais homogênea do ar com o combustível.

toyota-8nr-fts-12l-turbo-engine-detailed_4-156x156

Na prática, este novo motor, que irá estrear no renovado Toyota Auris, será capaz de oferecer consumo médio em torno dos 24 km/litro.

Confira o vídeo:

 


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *