Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

PIQUET PARTICIPA DA “1000 MILHAS HISTÓRICAS”

Compartilhe!

1000_milhas

“Adorei e se me convidarem no ano que vem, voltarei novamente”, disse Nelson Piquet no ano passado, no último dia da 2ª edição do Rallye Internacional 1000 Milhas Históricas Brasileiras. Convite feito, promessa cumprida. Pelo segundo ano consecutivo o tricampeão mundial de Fórmula 1 será uma das principais atrações do rallye de regularidade que tem a chancela e homologação da FIVA (Federação Internacional de Veículos Antigos), sob regras da FIA-Historic (Federação Internacional de Automobilismo), que será disputado de 19 a 23 de junho, para percorrer 1.680 km passando pelas mais famosas estradas da história brasileira dos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais.

foto piquet

“O Nelson Piquet é mais do que um campeão, do que um ídolo de todos nós. Estamos muito orgulhosos pelo prestígio que ele está dando novamente à nossa prova internacional”, comenta Luis Cezar Ramos Pereira, piloto de rallye e diretor da prova. Nelson Piquet gostou tanto da prova do ano passado, que nesta terceira edição está montando a maior equipe da competição, com oito carros clássicos fabricados entre 1919 e 1980, conforme o regulamento internacional. “Ele adora carros e motores, e gosta de mexer na mecânica. Por isto ele virou um importante colecionador e agora está cada vez mais integrado e participativo em nossa comunidade”, prosseguiu Luis Cezar.

Em todos os grandes eventos com carros históricos na Europa (Monte Carlo, Goodwood, Silverstone, Costa Brava, etc), os grandes pilotos do passado marcam presença. Muitas vezes os museus cedem os carros ou os ex-pilotos vão com os seus. “No nosso rallye, além do Nelson Piquet estamos aguardando a confirmação de outros pilotos que fizeram a história do nosso automobilismo. No ano passado tivemos o Wilson Fittipaldi e o Roberto Pupo Moreno, que ainda não fizeram inscrição, mas tivemos consulta de outros renomados pilotos. Mas já temos a inscrição de algumas duplas estrangeiras, inclusive de portugueses e alemães”, continuou o Diretor de Prova.

“Este ano teremos várias novidades, o que nos permite prever que teremos algo em torno de 50 carros clássicos participando. Serão cinco dias de competição, com redução da quilometragem total, passando de 1.850 para 1.680 quilômetros. Teremos a inclusão da prova no mais moderno autódromo do Brasil, o Velo Città, no primeiro dia, e a prova noturna no encerramento em Campos do Jordão”, completa Luis Cezar Ramos Pereira.

Na primeira edição a prova foi vencida pela dupla gaúcha Rogério Franz e Mário Nardi, com Triumph TR4 (1962), seguidos da Mercedes-Benz 500SL (1980) de Henrique Thielmann e Lucas Larivoir, e de Julio Berriel e Vera Nonaka com Mercedes-Benz 350SL (1973). As inscrições do 3º Rallye Internacional 1000 Milhas Históricas Brasileiras prosseguem até o dia 7 de junho, com o MG Club do Brasil, pelos e-mails mgcbr@mgcbr.com.br / secretariamg@terra.com.br, ou pelo telefone (11) 3673-5065.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español