Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Quantas pessoas morrem em acidentes por ano? Você vai se assustar…

Compartilhe!

Todos concordamos que os acidentes de trânsito estão entre as principais causas de mortes no mundo, mas os números são mais assustadores do que muitos imaginam. O mais recente estudo da World Health Organization (WHO) mostra que todos os anos morrem cerca de 1.35 milhões de pessoas nas ruas e estradas, tornando esta a oitava causa de morte mais frequente em pessoas de qualquer idade.

 
 

Esta é a principal causa de morte de crianças e jovens adultos entre os cinco e 29 anos, sendo que em regra, o risco de um acidente de trânsito fatal é aproximadamente três vezes maior em países subdesenvolvidos. Na África, por exemplo, verifica-se a marca de 26.6 mortes em acidentes de trânsito por cada 100 mil habitantes, o mais alto deste estudo. No extremo oposto surge a Europa, com a média de 9.3 mortes por 100 mil habitantes.

Este estudo revela ainda que pedestres e ciclistas representam cerca de 26% de todas as mortes nas vias, número que ganha ainda mais expressão na África, onde sobe até os 44%, e no Leste Europeu, onde ronda os 36%. Por outro lado, condutores e passageiros de motos representam cerca de 28% das mortes anuais nas estradas.

Em comparação com o antigo estudo da WHO, realizado em 2015, as taxas de acidentes mortais nas vias caíram no continente americano, na Europa e na região do Pacífico. Mas ainda há um longo caminho a percorrer. “A segurança rodoviária é um problema que não recebe a atenção que merecia, e é realmente uma grande oportunidade para salvar vidas em todo o mundo”, disse Michael Bloomberg, da WHO.

O mesmo estudo conclui que no caso dos motoristas e passageiros de automóveis, o aumento de 1% na velocidade produz aumento de 4% na probabilidade de um acidente fatal e de 3% na probabilidade de um acidente grave. 

A diminuição de 5% na velocidade média pode reduzir o número de fatalidades em cerca de 30%, sendo que no caso dos pedestres atingidos pela frente de um automóvel, um carro que circule à velocidade de 50 km/h representa risco mortal 4.5 vezes inferior a um automóvel que vai a 65 km/h. 

Voce ode baixar aqui o estudo completo de 424 páginas.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *