Schumacher ainda precisará de anos de recuperação

Compartilhe!

O francês Jean-François Payen, um dos médicos que tem acompanhado Michael Schumacher, explicou que o ex-piloto de Fórmula 1 está tendo alguns progressos, mas que precisará de anos para recuperar. Payen, que tratou Schumacher logo após o acidente de esqui em dezembro que deixou o piloto em coma, com lesões cerebrais, elogiou ainda a mulher do multicampeão mundial e justificou que
tudo será um longo processo.

sc

“Notei progressos, mas é preciso dar tempo. É como acontece com outros pacientes, estamos numa escala de tempo de um a três anos, por isso é preciso paciência”, afirmou o médico em relação à evolução de Schumacher.

Depois de seis meses em coma, o antigo piloto, de 45 anos, foi transferido para a sua casa, em Gland, na Suíça. Payen continua atendendo Michael Schumacher em sua residência. “É para ver como ele evolui e poder dizer à sua mulher e filhos as mudanças que são percebidas. Schumacher tem condições muito favoráveis. A sua mulher está rodeada de excelentes médicos e colocou tudo ao dispor para que ele possa se recuperar”, acrescentou o médico.

Na opinião de Payen, Corinna Schumacher tem desempenhado papel fundamental na recuperação do marido, com “lucidez e desejo de ve-lo bem logo”, e que “durante anos” ela continuará fazendo isso”,  garantindo que se trata de “uma pessoa muito boa”.


Compartilhe!
简体中文 简体中文 English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano 日本語 日本語 Português Português Español Español