Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Steven Aghakhani, 13 anos, profissão “piloto”. E dos bons

Compartilhe!

O automobilismo está se tornando mesmo coisa para criança. Depois do show do ainda imberbe Max Verstappen no GP do Brasil de Fórmula 1, a estrela da vez vem de Los Angeles, California. Guarde bem este nome: Steven Aghakhani. Aos 13 anos, este jovem piloto já dá muito trabalho a adultos profissionais com o triplo da sua idade. Vem chamando há tempos a atenção de quem acompanha o automobilismo internacional.

steven-aghakhani-13-anos-8

Os mais atentos já podem ter ouvido falar dele, mas para quem não sabe, Steven Aghakhani é um garoto de apenas 13 anos, que desde cedo começou a chamar atenção no mundo do automobilismo.

Incentivado pelo pai Armik, um ex-piloto, Steven iniciou-se na arte da pilotagem com apenas 7 anos, acelerando um kart. Apenas seis anos depois, e atualmente treinado por Michael Essa, antigo campeão de Formula Drift, esta quase criança continua a se impor, agora sentado ao volante de carros GTs e contra adversários com idade para serem seus pais.

No último fim-de-semana, Steven Aghakhani participou de uma etapa do Global Time Attack –saiba mais sobre este campeonato aqui– ao volante de um Lamborghini Huracán Super Trofeo. Conseguiu o tempo de 1m41.612s, apenas três centésimos de segundo a menos que o vencedor, o norte-americano Mark Jager (Subaru STi AWD).

No final da prova, apesar do fantástico resultado, o jovem piloto preferiu atribuir o mérito ao esportivo italiano. “O Lamborghini Huracán é um fabuloso carro de corrida. Ainda tenho muito para aprender sobre ele, mas é incrível sentar ao volante. Mal posso esperar pela oportunidade de guiar novamente este carro”, afirmou.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español