Steven Aghakhani, 13 anos, profissão “piloto”. E dos bons

Compartilhe!

O automobilismo está se tornando mesmo coisa para criança. Depois do show do ainda imberbe Max Verstappen no GP do Brasil de Fórmula 1, a estrela da vez vem de Los Angeles, California. Guarde bem este nome: Steven Aghakhani. Aos 13 anos, este jovem piloto já dá muito trabalho a adultos profissionais com o triplo da sua idade. Vem chamando há tempos a atenção de quem acompanha o automobilismo internacional.

steven-aghakhani-13-anos-8

Os mais atentos já podem ter ouvido falar dele, mas para quem não sabe, Steven Aghakhani é um garoto de apenas 13 anos, que desde cedo começou a chamar atenção no mundo do automobilismo.

Incentivado pelo pai Armik, um ex-piloto, Steven iniciou-se na arte da pilotagem com apenas 7 anos, acelerando um kart. Apenas seis anos depois, e atualmente treinado por Michael Essa, antigo campeão de Formula Drift, esta quase criança continua a se impor, agora sentado ao volante de carros GTs e contra adversários com idade para serem seus pais.

No último fim-de-semana, Steven Aghakhani participou de uma etapa do Global Time Attack –saiba mais sobre este campeonato aqui– ao volante de um Lamborghini Huracán Super Trofeo. Conseguiu o tempo de 1m41.612s, apenas três centésimos de segundo a menos que o vencedor, o norte-americano Mark Jager (Subaru STi AWD).

No final da prova, apesar do fantástico resultado, o jovem piloto preferiu atribuir o mérito ao esportivo italiano. “O Lamborghini Huracán é um fabuloso carro de corrida. Ainda tenho muito para aprender sobre ele, mas é incrível sentar ao volante. Mal posso esperar pela oportunidade de guiar novamente este carro”, afirmou.


Compartilhe!
简体中文 简体中文 English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano 日本語 日本語 Português Português Español Español