Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

STIRLING MOSS: POLÊMICA SOBRE HOMOFOBIA

Compartilhe!

SLR Stirling Moss

O britânico Stirling Moss, lendário piloto da Fórmula 1 que, para muitos, é considerado o melhor piloto da história que nunca conquistou um título, deu  uma declaração polêmica durante uma entrevista ao jornal `Daily Mirror`, sobre a possibilidade de um ator homossexual fazer o seu papel num filme.

O ex-piloto, atualmente com 83 anos, não teve problemas em admitir que não gosta dessa ideia, mas frisa que tem “muitos amigos gays” e não quer “ser preconceituoso”, embora tenha usado uma expressão considerada pejorativa.  “Gostaria que o ator que me interpretasse fosse homem mesmo, não uma “bicha” ou algo do gênero. Acho que seria difícil para alguém que é homossexual assumido me interpretar no cinema, pois eu passei a minha vida pilotando carros e a correndo  atrás de mulheres”, finalizou.

A declaração foi dada numa conversa sobre o filme “Rush“, em que James Hunt será interpretado pelo australiano Chris Hemsworth, que tem sido alvo de vários rumores quanto à sua orientação sexual. Moss frisou que preferia um ator heterossexual. Sir Stirling Moss foi quatro vezes vice-campeão da Fórmula 1, entre 1955 e 1958, quando a Fórmula 1 era dominada pela lenda Juan Manuel Fangio.

JFF


Compartilhe!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español