Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

TEST DRIVE: Nissan New March 1.0 S

Compartilhe!

O Nissan March é um carro que de vez em quando fica injustamente esquecido no mercado brasileiro. Ágil, bom espaço interno, só perde em tamanho para o VW up! E é ideal para o trânsito urbano.

P1080191

Para contornar isso e refrescar a memória do consumidor, ganhou muitas novidades nos últimos meses. Mudou um pouco o estilo, passou a ser fabricado na nova unidade da Nissan em Resende, RJ e, para completar, ganhou um novo e interessante motor 1.0 de três cilindros. Com tudo isso ele está municiado para enfrentar os concorrentes e deixar de ser um dos menos vendidos da categoria. Se transformou no New March.

P1080182

O compacto, então importado do México, foi lançado em setembro de 2011 no Brasil e manteve em torno de 3 mil unidades emplacadas a cada mês até o fim de 2012. As cotas de importação impostas arrefeceram as vendas do modelo. Agora, a Nissan quer retomar exatamente aquele mesmo patamar e espera chegar em breve às mesmas 3 mil vendas/mês do novo March. Para 2016, a previsão é de 5 mil unidades mensais do hatch, importante para ajudar a marca a saltar dos atuais 2% para 5% de participação no mercado. No Rio de Janeiro, o New March é produzido com 64% de componentes nacionais, devendo chegar a 80% até 2016.

MOTOR NOVO 

Para substituir o antigo motor de quatro cilindros 1.0 16 válvulas Renault, o mesmo usado no veterano Clio, a Nissan trouxe um novo motor, o HR10, derivado do HR12 1.2 que é usado em outros mercados. Mais leve, é feito de alumínio (o que permite entre outros menor peso e melhor dissipação de calor), este novo 1.0 tem 12 válvulas, 77 cv de potência máxima e 10 mkgf de torque máximo, e tem como alvo o bom desempenho e menor consumo de combustível, sem perda de desempenho em relação a antigo quatro cilindros. Atributos necessários para o seu compromisso.

Equipado com sistema CVVTCS (Continuosly Variable Valve Timing Control System, ou variação da abertura das válvulas por meio de variador de fase), recursos que faz com que a admissão da mistura ar/combustível nos cilindros seja otimizada em qualquer rotação, o resultado disso é o torque razoável em baixas rotações, outro dos destaques do Nissan. Se o motor antigo não comprometia nesse aspecto, com o novo 1.0 dá para dirigir sem exigir muito do acelerador.

P1080186

Com 999 cm³ de cilindrada exata (78 x 69,7 mm), flex, o motor HR10 tem 77 cv a 6.200 rpm com torque máximo de 10 mkgf a 4.000 rpm. O comando de válvulas é duplo, acionado por corrente e com variador de fase na admissão. A atuação das válvulas —quatro por cilindro— é direta, por tuchos com compensação hidráulica, e o coletor de admissão é longo para privilegiar o enchimento dos cilindros em baixas rotações. O motor antigo do March, o Renault D4D, tem 74 cv a 5.850 rpm e o mesmo torque de 10 mkgf a 4.350 rpm. A taxa de compressão era de 10:1 e agora passou para 11,2:1.

Tanto o Renault D4D o Nissan HR10 tem os mesmos números de potência e torque com qualquer dos combustível. O sistema de partida a frio é o Flex Start da Bosch.Mas 77 cv são suficientes? Na prática sim, pois a Nissan aumentou só 3 cv a potência, mas agora com uma curva de torque mais plana. O novo motor está sempre bem disposto, em especial no trânsito urbano e entre 2.000 rpm e 4.000 rpm. O nível de vibração é baixo, sem exagero o melhor da categoria.

DESEMPENHO

O New March mantém a calibragem de suspensão mais firme, mas sem comprometer em piso ruim. Outro destaque é a direção elétrica, leve em manobras e mais precisa conforme aumenta a velocidade. O câmbio manual de cinco marchas conta com engates precisos, e a primeira marcha está um pouco mais ruidosa que o desejado. Mas, o New March é sempre fácil de dirigir, cabe em qualquer vaga e tem boa visibilidade. O diâmetro mínimo de giro da direçãp é de apenas 9 metros, remetendo à essa boa característica que tinha o Chevette, por exemplo.

Com compromisso preferencialmente voltado para uso urbano, o New March roda sem problema também em estradas. A Nissan anuncia consumo médio de 8,8 km/litro na cidade e 10,3 km/litro na estrada com etanol, mas é fácil melhorar um pouco essas marcas. A aceleração de zero a 100 km/h está na faixa dos 15 segundos, mas a marca não divulga a velocidade máxima, que estimamos em 160 km/h.

Novo-Nissan-March-2015-interior (2)

Com a reestilização promovida pela Nissan, o March ficou mais atual e abandonou a “cara de bonzinho” do anterior. Tem interno para acomodar até quatro adultos e acabamento bem honesto. A versão testada por AUTO&TÉCNICA foi a S, a mais completa com motor 1.0, que custa R$ 34.490. Traz entre outros direção elétrica, ar-condicionado, computador de bordo, volante multifuncional, vidros/travas/retrovisores elétricos, chave com destravamento remoto das portas, som e rodas de aço com calotas plásticas.

P1080188

Com visual mais atual, nacional e com novo motor, o New March custa a partir de R$ 32.990. Uma boa opção na briga pelo consumidor do segmento. Basta apenas que a Nissan trabalhe e faça o carrinho ser lembrado pelo consumidor.

P1080187

 

PREÇOS, VERSÕES, EQUIPAMENTOS…

1.0 Conforto (R$ 32.990,00)

Câmbio manual de 5 marchas

Motor 1.0 16V com 74 cv a 5.850 rpm de potência e torque de 10 mkgf a 4.350 rpm

Acelerador eletrônico do motor (drive by wire)

Ar-condicionado

Ar quente

Airbags frontais para motorista e passageiro

Alarme sonoro de advertência para chave no contato e luzes acessa

Apoios de cabeça dianteiros (2) e traseiros (2) com regulagem de altura

Acabamento preto da coluna central (B)

Antena de teto

Botão cromado da alavanca do freio de mão

Banco do motorista com tecnologia Comfort Seat e regulagem de altura

Bloqueio de ignição através de imobilizador do motor

Cintos de segurança dianteiros com pré-tensionadores e limitadores de carga

Cintos de segurança traseiro laterais de três pontos retráteis e central de 2 pontos

Computador de bordo com as funções consumo instantâneo e relógio

Console central com três porta-copos e porta-objetos

Conta-giros e velocímetro com acabamento em prata

Calotas integrais

Detalhe da grade superior em “V” cromado

Desembaçador do vidro traseiro com temporizador

Direção elétrica progressiva

Display digital de quilometragem total e parcial

Freios ABS com controle eletrônico de frenagem (EBD) e Assistência de frenagem (BA)

Para-sol com espelhos cortesia para motorista e passageiro

Porta-luvas com tampa

Porta-malas com iluminação

Portas dianteiras com porta-objetos e suporte para garrafa

Preparação para sistema de áudio

Retrovisores externos rebatíveis

Retrovisores externos na cor da carroceria

Rodas de aço aro 14 com pneus 165/70 R14

Revestimento dos bancos em tecido nas cores preto e cinza

Tampa de combustível com abertura interna

Tomada de 12V integrada ao console central

Volante de três raios com regulagem de altura 

1.0 S (R$ 34.490,00)

Todos da versão 1.0 Conforto acrescidos de:

Acabamento em prata no apoio de braço da porta dianteira

Chave com telecomando para abertura e fechamento das portas e do porta-malas

Maçanetas internas de abertura das portas cromadas

Retrovisores externos com regulagem elétrica

Revestimento das portas dianteiras em tecido

Travas elétricas das portas e do porta-malas

Vidros dianteiros e traseiros elétricos com a função um toque para vidro do motorista

 1.0 SV (R$ 36.990,00)

Todos da versão 1.0 S acrescidos de:

Spoiler com terceira luz de freio e LED

Conexão Bluetooth de telefone (viva-voz) com sincronização de agenda

Conexão para arquivos digitais de música por Streaming

Comandos de áudio no volante e Bluetooth

Maçanetas externas na cor da carroceria

Moldura da grade inferior cromada

Farol de neblina dianteiro com acabamento cromado

Rádio CD Player com função RDS, entrada auxiliar para MP3 Player/IPod, conector USB, e quatro alto-falantes

Revestimento dos bancos com acabamento SV

Rodas de liga leve aro 15 e pneus 185/60 R15

1.6 S (R$ 37.490,00)

Todos da versão 1.0 S acrescidos de:

Motor 1.6 16V com 111 cv de potência e torque de 15,1 mkgf 

1.6 SV (R$ 39.990,00)

Todos da versão 1.0 SV acrescidos de:

Motor 1.6 16V com 111 cv de potência e torque de 15,1 mkgf

1.6 SL (R$ 42.990,00)

Todos da versão 1.6 SV acrescidos de:

Ar-condicionado digital automático

Acabamento Piano Black no painel central

Alarme perimétrico com acionamento na chave

Acesso às redes sociais NissanConnect integrado ao navegador

Câmera traseira com imagem integrada ao display do rádio

Faróis dianteiros e traseiros com máscara negra

Maçanetas externas de abertura das portas cromadas

Revestimento dos bancos em tecido especial premium SL

Rodas de liga leve aro 16 e pneus 185/55 R16 com acabamento Inner Black

Rádio CD Player com MP3 com display 5.8 polegadas colorido, função RDS, entrada auxiliar para MP3 Player/IPod, conector USB, e 4 alto-falantes

Sistema de navegação por GPS integrado ao painel

 


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español