Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

VETTEL ESCOLHE A MCLAREN DE SENNA

Compartilhe!

download

O piloto alemão Sebastian Vettel não tem dúvidas: a McLaren MP4-8, com o qual Ayrton Senna disputou a temporada de 1993, é o seu carro de Fórmula 1 favorito. Um jornal alemão lançou o desafio, e o piloto fez a lista dos seus 10 carros preferidos da história da Fórmula 1.

Na lista encontram-se, entre outros, a Ferrari F2002 de Michael Schumacher, assim como o carro mais caro do mundo, a Mercedes-Benz W196 pilotada por Juan Manuel Fangio na temporada de 1954.
A maior surpresa (ou nem tanto) está mesmo no favorito. Vettel chegou aos seus três títulos ao volante dos Red Bull, mas o piloto alemão coloca no topo das suas preferências a McLaren. Mas não é um McLaren qualquer. Trata-se do MP4-8 com que Ayrton Senna conquistou a sua última vitória na Fórmula 1, em 1993.

“Com toda a certeza, este é o meu carro favorito”, afirmou Vettel. “Foi a minha primeira miniatura. A McLaren não tinha o melhor carro do ano, mas Senna ainda conseguiu vencer cinco provas”, explicou.

O piloto alemão relegou para as duas posições seguintes os carros dos seus primeiros dois títulos, privilegiando o Red Bull RB6 que lhe deu o primeiro título na Fórmula 1. Fora da lista ficou o RB8, com o qual venceu o seu terceiro título, no ano passado.

“O RB6 era a arma mortal, o melhor carro do ano. Se não tivéssemos vencido o campeonato, teria sido uma frustração muito grande para toda a equipe”. Vettel conquistou seu primeiro título na última corrida do ano, em Abu Dhabi, tornando-se no mais jovem campeão do Mundo, com 23 anos e 134 dias.

Em relação ao RB7, com o qual venceu o segundo título, Vettel refere que era completo, confiável e rápido em todos os circuitos”. Em 19 provas daquele ano, Vettel subiu por 17 vezes no pódio. Venceu por 11 vezes, foi segundo em cinco ocasiões e uma vez terceiro.

AS DEMAIS ESCOLHAS DE VETTEL:

download (1)

4. Brabham BT46B 1978 – “O carro de Niki Lauda que tinha um ventilador gigante na traseira.” O BT46B correu pela primeira vez no GP da Suécia, em 1978. Provocou muita dicussão devido à hélice na traseira, e acabou banido das pistas.

rindt

5. Lotus 72 1970 – “Lindo, mas trágico. Jochen Rindt foi Campeão do Mundo com este carro, mas bateu durante uma sessão de testes em Monza”. O Lotus 72 foi utilizado com algumas alterações ente 1970 e 1975, garantindo dois títulos no Mundial de Pilotos e três no Mundial de Construtores.

ferrari
6. Ferrari F2002 2002 – “Um vencedor nato. Michael Schumacher parecia brincar com a competição”. O F2002 estrou-se na terceira prova de 2002 e foi utilizado até a quarta corrida do ano seguinte. Das 19 provas, o carro venceu nada menos que 15.

mclaren98-pic3

7. McLaren MP4-13 1998 – “Lembro-me bem. Era muito bonito e parecia servir em Mika Hakkinen como uma luva”, comentou o alemão. Com este carro, o finlandês venceu nada menos que oito corridas na temporada de 1998, resultando na conquista do primeiro dos seus dois títulos.

williams-fw14b-renault_1

8. Williams FW14 1992 – “Mais um carro fantastico de Adrian Newey. Nigel Mansell foi um campeão dominador. Equipado com suspensão ativa, parecia que andava sobre trilhos”, explicou. O britânico venceu nove corridas com o FW14, terminando o Mundial de 1992 com vantagem de 52 pontos sobre o seu companheiro de equipe, Riccardo Patrese.

images
9. Mercedes W196 1954 – “Uma lenda com o qual a Mercedes voltou a correr na Fórmula 1. Juan Manuel Fangio foi, naturalmente, o campeão daquele ano. O argentino venceu seis corridas, das nove, em 1954”. No ano seguinte, Fangio conquistaria mais um título com o mesmo carro.

bt52b1

10. Brabham BT52B 1983 – “Este carro deu à BMW o último título, com Nelson Piquet. Diz-se que o carro tinha mais que 1500 cv de potência, o que fazia dele um foguete. Adoraria dar uma volta com ele”, comentou.


Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *