CarrosSlide

Volkswagen Amarok Beast 2.0: como a picape alemã poderia ser

Compartilhe!

Volkswagen Amarok Beast 2.0: a picape alemã virou fera

A nova picape Volkswagen Amarok 2023 na verdade é uma derivação da Ford Ranger, e promete ser mais eficiente dentro e fora das estradas. Depois de mais de 830.000 unidades vendidas da sua antecessora, esta nova geração chegou com características Ford, boas novidades em termos de estilo, tecnologia e motores. Mas tudo pode melhorar, como esta bem preparada Amarok Beast 2.0.

por Marcos Cesar Silva

Projetada e concebida na Alemanha e na Austrália, mas fabricada na África do Sul, a nova “Amarok Ford” tentará ocupar seu espaço lugar no topo do segmento de picapes médias graças às suas nova especificações, uma série muito maior de recursos de assistência ao motorista e uma linha ampliada de sistemas gerais. Mas para os brasileiros, será oferecida apenas a velha VW Amarok, com poucas novidades; a picape da parceria entre a marca alemã e a Ford será apenas para mercados mais desenvolvidos.

Entre a oferta mecânica da nova picape vamos encontrar um motor a gasolina e até quatro motores diesel diferentes, de quatro ou seis cilindros e cilindradas entre 2.0 a 3.0 litros. Todas as versões são 4MOTION (tração integral), mas opcionalmente é possível encomendar o modelo com tração só na traseira. Aliás, o sistema de tração, dependendo do mercado, será conectável ou permanente.

Volkswagen Amarok Beast 2.0

Como dissemos antes, tudo pode melhorar. Por mais de 40 anos, a empresa alemã Delta4x4 vem projetando e construindo novidades de estilo e de aplicações no cenário  off-road. O último modelo a cair em suas mãos foi justamente a nova Volkswagen Amarok, e o resultado é, no mínimo, muito interessante. Esta versão Beast é até 17 cm mais alta, com um impressionante conjunto de rodagem que usa pneus 305/70-18 e 35 x 12,5 montado em rodas de 20 polegadas.

Pela primeira vez, o preparador instalado no sul da Alemanha usou a mais recente roda Hanma na medida 18×9 e ainda as rodas opcionais roda Real-Beadlock Force 20 x 9. As novas rodas receberam a companhia de um kit de alargadores de pára-lamas que adiciona 60 cm a cada lado da carroceria da Amarok. O modelo também foi equipado com faróis PIAA, fornecedor japonês especializado em sistemas de iluminação para rali.

Além disso, a empresa projetou uma barra frontal e um rack de teto otimizados em termos de peso, capacidade de carga e altura total; bem como está disponível um guincho da austríaca Horntools, que não é mostrado nessas primeiras imagens da Amarok Beast 2.0.

Quanto aos preços, a Delta4x4 pede US$ 2.600 para o kit de elevação da carroceria; US$ 1.600 para a elevação da suspensão e US$ 2.900 para as rodas e pneus. Os alargadores de pára-lamas acrescentam US$ 1.800 à conta, enquanto os estribos laterais saem por US$ 700 e a iluminação auxiliar, mais US$ 600. Cada conjunto desses pode ser adquirido separadamente.


Compartilhe!
1716833144