Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Excesso de recalls e castigo: Honda corta salário de seu chefão

Compartilhe!

O excesso de recalls por problemas nos airbags fornecidos pela Takata fez uma primeira vítima na Honda: o bolso do chefão Takanobu Ito, que teve redução no seu salário. O mesmo valeu para outros alto executivos da marca, e vai vigorar nos próximos três meses. Isso aconteceu depois de mais um recall anunciado na última semana, o quinto envolvendo a nova linha Fit.

untitled

O defeito nos airbags comprados da Takata, que causaram pelo menos quatro mortes em carros da Honda, deixa a fornecedora na iminência de perder seus contratos de fornecimento de dispositivos de segurança. O mercado de sistemas infladores de airbags -componente que provocou os defeitos com consequências fatais- deverá fazer a Honda e outras marcas se afastarem da Takata, trocada por fornecedoras como Autoliv e Daicel. Estas duas empresas poderão controlar mais de metade do mercado de disparadores de airbags até 2020 por causa da redução da participação da Takata.

Diversas marcas de veículos estão correndo para realizar o recall de milhões de carros e reparar seus airbags Takata, que podem inflar com muita força e atirar pedaços de metal nos passageiros. A Honda, maior cliente da Takata, disse que está verificando novamente a opção da empresa pelos airbags da fornecedora por causa das preocupações com qualidade.

O bolso do chefão lamenta.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español