SlideUltima Hora

O recorde inútil: mais de 270 km/h em marcha a ré!

Compartilhe!

Mais inútil impossível, mas é uma marca surpreendente, foi atestada pelo Guinness World Records e verificada usando dados medidos pela Dewesoft: o Rimac Nevera agora detém oficialmente o recorde mundial do Guinness Book para velocidade máxima de marcha à ré. Vale pelo marketing e por publicações como essa que você está lendo agora.

por Ricardo Caruso

Nas instalações da “Automotive Testing Papenburg”, na Alemanha, o Rimac Nevera voltou ao local onde, no início deste ano, quebrou mais de 20 recordes de aceleração e frenagem em um único dia, bem como ao local onde estabeleceu recordes de velocidade máxima, com números de nada menos que 412 km/h.

Com o modelo “Time Attack Edition” usado durante os recordes anteriores (disponível para apenas 12 clientes em todo o mundo), o Nevera atingiu a velocidade máxima de 275,74 km/h, número que por si só já seria brutal, mas é ainda mais assustador porque foi alcançado em sentido inverso, ou seja, de marcha-ré.

Ao contrário de um carro com motor de combustão interna, ou mesmo de alguns carros elétricos, a transmissão do Rimac Nevera não tem marchas. Neste modelo, os quatro motores individuais vão para a frente ou para trás. Isso significa que o mesmo trem de força capaz de atingir de zero a 100 km/h em tempo recorde, poderia fazer o mesmo no outro sentido.

Tudo começou como uma ideia do laboratório técnico da marca e se tornou realidade, e assim o Nevera agora é o modelo com a maior velocidade máxima de marcha à ré do mercado, que é de nada menos que 275,74 km/h. Não serve para nada, mas é um recorde. Confira o vídeo abaixo:

Como curiosidade, em 1967 o Lamborghini Miura se tornou o carro de produção mais rápido do mundo, usando todo o potencial de seu motor V12 para ser o primeiro a superar a barreira dos 274 km/h.Agora a Rimac faz isso na mesma velocidade, mas em sentido contrário.


Compartilhe!
1716947690