Carros

Com o diabo no corpo: 666 cv no Lamborghini Urus Performante

Compartilhe!

Mais potente, mais leve, mais largo e mais baixo, o novo Lamborghini Urus Performante reforça o seu status de “Super SUV” e traz o temido número 666 na sua ficha técnica.

por Ricardo Caruso

A receita aplicada a este “Super SUV” é aquela que habitualmente vemos ser usada nas versões mais apimentadas dos esportivos: o novo Lamborghini Urus Performante é mais potente, leve, baixo e largo que o Urus “normal”.

Por baixo do capô continua acomodado o mesmo motor 4.0V8 biturbo, mas que agora passa a entregar sugestivos, evocativos e diabólicos 666 cv (para quem não sabe, o “número da besta”) —mais 16 cv que antes—, mantendo os 85 mkgf de torque. E deve soar ainda mais como o som do demônio, por estar equipado de série com um conjunto de escapamento em titânio da Akrapovič.

Os 47 kg a menos de peso são conseguidos com mais uso de fibra de carbono (capô, spoiler dianteiro, bordas de paralamas e, como opcional, teto). Mas mesmo assim são 2150 kg. Junte-se a isso um novo diferencial, que dá ao Urus Performante relação de transmissão final mais curta, e por isso as acelerações e retomadas melhoraram ainda mais.

Os 100 km/h a partir da imobilidade são atingidos 0,3s mais rápido, sendo agora em míseros 3,3s; e os 200 km/h são alcançados em apenas 11,5s, 0,8s a menos do que antes. A velocidade máxima é de 306 km/h, um singelo km/h a mais que o Urus. Isso por conta do diferencial curto, que favoreceu a aceleração e não a velocidade final.

As modificações não ficaram na parte cinemática do SUV. A Lamborghini anunciou um aumento de 8% na eficiência aerodinâmica do seu modelo, e para o conseguir isso equipou ele com novos para-choques e capô —este último com saídas de ar integradas—, ganhou novos defletores que redirecionam o ar à volta das rodas dianteiras, e um novo spoiler traseiro. Este spoiler apresenta “barbatanas” em fibra de carbono inspiradas nas aplicadas no Aventador SVJ, e dá à traseira do Urus Performante um acréscimo de 38% em força descendente (downforce).

A conjugação do novo para-choques dianteiro e spoiler traseiro fazem com que o Urus Performante seja 25 mm mais comprido que os outros Urus.

Lamborghini V10

Se o Urus dificilmente iria convencer alguém sobre as suas capacidades fora-de-estrada, o Urus Performante se esforça menos ainda nessa tentativa de convencimento. A Lamborghini reduziu a distância ao solo em 20 mm ao equipá-lo com novas molas em aço, e ele é também mais largo.

As bitolas cresceram 16 mm, o que obrigou a dar ao Performante novas bordas de paralamas, em fibra de carbono, para alojarem eficazmente as rodas de grandes dimensões. De série vem com rodas forjadas de 22 polegadas —opcionalmente podem ser aro 23— calçadas com pneus Pirelli P Zero nas medidas 285/40-22 na frente e 325/35-22 atrás.

Em opção é possível equipar o Urus Performante ainda com pneus semi-slick Pirelli P Zero Trofeo R, desenvolvidos pela atender as características de um SUV.

Detalhe da jante
Os parafusos das rodas são de titânio.

O aumento do desempenho e a maior proximidade do asfalto são completados pelo sistema de direção e eixo traseiro direcional revistos, prometendo mais agilidade e controle, reforçando a vocação esportiva deste SUV endiabrado.

O capô pode ser pintado da cor da carroceria ou, opcionalmente, mostrar a fibra de carbono com que é feito.

A sua rapidez e eficácia dinâmica foram demonstradas recentemente quando obteve o recorde de SUV mais rápido ao subir a Pikes Peak com o tempo de 10m32,064s —isso quando ainda o chamávamos de Urus EVO, como se fosse a renovação do SUV, mas que afinal acabou por ser a sua versão mais performante.

Mas a diversão não fica limitada ao asfalto. Além dos habituais modos de condução Strada, Sport e Corsa, o Urus Performante estreia um modo com o sugestivo nome de Rally. E é isso mesmo isso que vocês estão pensando. A Lamborghini otimizou este modo para aquelas ocasiões em que o motorista decide atacar com tudo uma estrada de terra batida ou de pedrisco, ampliando o seu delicioso caráter de sair de traseira.

Revelado e mostrado ao público pela primeira vez no “The Quail — A Motorsports Gathering”, em Monterey, na Califórnia, o novo Lamborghini Urus Performante já está disponível para encomenda e as primeiras unidades começarão a ser entregues no final deste ano. Isso no Primeiro Mundo.

Interior Lamborghini Urus Performante
Por dentro não há grandes diferenças a destacar, com estas se resumindo a alguns revestimentos e cores.

A marca italiana anunciou para o Urus Performante o preço, sem impostos, de aproximadamente US$ 220 mil, ou sejam, cerca de US$ 20 mil a mais que o Urus em comercialização. O preço final na Europa, com impostos, deverá chegar a algo entre US$ 320/330 mil.


Compartilhe!
1716330485