Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

OS EXTREMOS E MALANDRAGENS DO IPVA EM SÃO PAULO

Compartilhe!

O soviético Lada Laika 1993 (na foto um 92, igualzinho) tem o IPVA mais barato do Estado.

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo divulgou a tabela de IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) para 2013. De acordo com o governo, o contribuinte pagará 8,56% menos deste imposto do que pagou em 2012, por causa da desvalorização dos veículos de um ano para outro.

Na média, os carros flex pagarão 4% de IPVA, seguido de 3% pelos movidos somente a etanol, eletricidade ou gás ou qualquer desses três combustíveis combinados. Motos, pickups cabine simples, ônibus e micro-ônibus, são esfolados em 2%, e, os caminhões, em 1,5%.

O carro que vai pagar o menor valor será o russo Lada Laika, fabricado em 1993. O carro é avaliado pelo governo em R$ 2,8 mil e pagará de imposto apenas R$ 115,24. Já o veículo que tem o menor IPVA é o ciclomotor Hero Puch, também 1993, avaliada em míseros R$ 452, com imposto de também míseros R$ 9,04.

Já o maior IPVA vai para quem tiver uma Ferrari FF na garagem. Segundo a tabela, o felizardo vai ser arrochado em absurdos R$ 99.852,16, o mesmo preço de um bom carro vendido no mercado brasileiro. Curioso que tanto a Ferrari quanto o Lada circulam nas mesmas (esburacadas) ruas, ocupam o mesmo espaço, estão incluídos no rodízio e padecem horas nos mesmos congestionamentos.

Aqui cabe lembrar uma malandragem do governo. Antes esse imposto era chamado de TRU (Taxa Rodoviária Única), ou seja, você pagava para poder circular com seu carro, o que impedia a cobrança de pedágio em qualquer lugar, pois isso caracterizava dupla tributação, o que é proibido. Então mudaram o nome para IPVA, e passaram a colocar a mão no seu bolso a título de penalizá-lo por ter um carro. Alguém já pensou em quanto esta punição é descabida? Os impostos nos carros já são pesadíssimos, tornando o carro brasileiro o mais caro do mundo, e no fim ainda tiram mais duas “casquinhas”, no IPVA e no Controlar…

Dentro dessa regra de castigar quem tem algo, a Ferrari FF é cotada pelo governo paulista em R$ 2.496.304,00. Nos últimos dois exercícios, o título de IPVA mais caro de São Paulo era da Mercedes-Benz SLR McLaren 2009, que pagava R$ 92 mil em 2010 e R$ 104 mil em 2011.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español