Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

VW: bomba da II Guerra encontrada na fábrica de Wolfsburg

Compartilhe!

Uma bomba da II Guerra Mundial, provavelmente lançada na época do conflito pelos norte-americanos, foi encontrada e desativada na fabrica da Volkswagen, em Wolfsburg.

large_ee356ca1_664b_1f6d_ba24_e0fbcb4dfa2d

Isso aconteceu no passado domingo, quando um explosivo de 250 kg foi encontrado enterrado a cerca de 5,50m de profundidade, depois que no mês passado terem sido descobertos “metais suspeitos” em quatro áreas da fábrica, durante as obras de expansão da unidade de Wolfsburg (sede da marca alemã). Tudo indica que a bomba é de fabricação norte-americana, lançada por um avião durante a II Guerra Mundial.

Em declarações à imprensa alemã, a equipe que desativou a bomba explicou que tudo aquilo não passou de uma operação de rotina, e para isso foram tomadas todas as precauções. Apesar do aparato mobilizado –foi necessária a presença de uma centena de bombeiros, paramédicos e polícias– e da evacuação de 690 pessoas em toda a área, tudo aconteceu sem percalços.

Fundada por Hitler em 1938, durante o período da Segunda Guerra Mundial, a fábrica de Wolfsburg foi utilizada pela marca alemã para a produção não de “carros do povo”, mas sim de veículos militares, sendo por isso um dos maiores alvos do exército britânico e norte-americano.

Este tipo de acontecimento não é inédito: sempre que a Volkswagen inicia obras na sua sede, os engenheiros são obrigados a inspecionar o local na procura de possíveis explosivos. Em geral encontram.

 


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español