CarrosSlide

VW ID. 2all quer ser o “carro elétrico do povo”. Chega em 2025

Compartilhe!

O Volkswagen ID. 2all foi enfim apresentado e, melhor, está confirmado: quando chegar às ruas em 2025, terá versões custando menos de 25 mil euros (algo como R$ 140 mil na cotação atual). Mas isso é para o Primeiro Mundo, pois por aqui algumas montadoras estão empenhadas num gigantesco lobby para tentar convencer governo e compradores de que o etanol é mais do que suficiente dentro do que merece o brasileiro. No caso deste Volkswagen, nem a longo deverá ser fabricado aqui no País, talvez importado um dia, conforme descartou a própria marca na fala de alguns de seus executivos. Felizmente não é assim que pensam os chineses…

da Redação

Volkswagen ID.2all vista dianteira

Depois de muitos adiamentos, a Volkswagen acabou de mostrar o conceito  ID. 2all, que dá a visão mais próxima daquele que será o seu elétrico mais acessível. Sempre lembrando que, em alemão, Volkswagen significa “carro do povo”, algo do que a marca se afastou há tempos.

E a primeira surpresa são as suas linhas bem diferentes do polêmico estilo mais quadrado do ID. Life e, de certa forma, deixa claro uma mudança de rumo dentro da própria Volkswagen no quesito estilo.

Volkswagen ID. 2all vista traseira

Entre a apresentação dos dois protótipos, a Volkswagen trocou de diretor executivo (Thomas Schäfer assumiu o comando) e até o diretor de desenho da marca alemã foi substituído. Andreas Mindt, foi chamado para ocupar o lugar de Jozef Kaban. Foi esta última troca que mais contribuiu para as diferenças entre os dois conceitos. Embora a nova equipe só tenha tomado posse das pranchetas oficialmente em 1 de fevereiro, percebe-se que já estavam a trabalhar há algum tempo no desenho exterior e interior do protótipo agora revelado.

Thomas Schäfer parece querer reavivar a ideia de que a Volkswagen é a “marca do povo” e também reforçar o seu apelo emocional, e tem no ID. 2all seu principal produto para isso.

Por um lado, o ID. 2all antecipa o primeiro modelo elétrico do Grupo Volkswagen com um preço anunciado abaixo dos 25.000 euros, como já dissemos; por outro, será responsável por inaugurar uma nova linguagem de desenho para a Volkswagen.

Volkswagen ID. 2all frente

Tudo isto levou Schäfer a afirmar que: “Estamos transformando a empresa com o objetivo claro de fazer da Volkswagen uma verdadeira marca para se amar. O ID. 2all mostra onde queremos levar a marca. Vamos implementar essa transformação num ritmo acelerado para fazer chegar a mobilidade elétrica às massas”.

Quanto à linguagem de desenho que este protótipo antecipa, coube a Andreas Mindt explicá-la: “Estamos transferindo o DNA dos nossos modelos ícones para o futuro. O ID. 2all é, portanto, também uma homenagem ao Fusca, ao Golf e ao Polo”.

Volkswagen id. 2all, perfil

Esta inspiração fica clara, por exemplo, no formato da coluna C, que se assemelha à do primeiro Golf e que vai tornar-se numa característica comum entre os modelos compactos da Volkswagen.

Montado numa evolução da plataforma MEB, a MEB Entry, o Volkswagen ID. 2all é o primeiro elétrico da linha ID. com tração dianteira. Por enquanto, apresentou-se com 226 cv e a promessa de 450 km de autonomia, isto apesar de a capacidade da sua bateria ainda ser desconhecida. Curiosamente, a Volkswagen já divulgou alguns tempos de carregamento.

MEB Entry

 

Num ponto de carregamento rápido (corrente direta, DC) a bateria carrega de 10% a 80% em 20 minutos. A potência máxima de carregamento é de 125 kW. Já o carregamento doméstico e em postos públicos em corrente alternada (AC) pode ser feito até 11 kW, o que significa muito tempo. Acelera de zero a 100 km/h em 7s e a velocidade máxima é de 160 km/h.

Apesar do Volkswagen ID. 2all ainda ser um protótipo, a verdade é que as suas linhas são já bem próximas às de um modelo de produção. Não exibe sequer os excessos típicos dos carros-conceito. A carroceria tem alguma personalidade, mas fica a sensação der que é mais do mesmo, algo já visto antes, e estilo mais dinâmico em comparação com o ID. Life (abaixo).

No interior é clara a tentativa de melhorar não só a percepção de qualidade que tem sido criticada nos modelos ID, mas também a ergonomia.

ID. 2 all interior

A tela touchscreen de 12,9” apresenta uma nova estrutura de menus, e abaixo dela fica um painel de controle de ar condicionado. A Volkswagen parece ter levado em conta teve as críticas, e as principais funções da climatização são controladas por botões iluminados. Já no centro do painel de controle do ar condicionado existe um pequeno botão giratório para regular o volume do sistema de som. Outras funções do veículo são operadas por meio de um menu de controle no console, que também pode ser usado para alterar a aparência da instrumentação digital.

VW ID. 2 all bancos

O novo volante multifuncional apresenta apenas dois comandos giratórios de cada lado, com dois botões cada. Atrás deste volante surge um painel de instrumentos digital de 10,9”, o dobro do que encontramos atualmente nos modelos ID. e um head-up display que fornece o máximo de informação ao motorista. Já os smartphones podem ser alimentados por várias tomadas USB-C no habitáculo e por suportes magnéticos com função de carregamento por indução nos encostos dos bancos dianteiros e no console.

Apesar de ter dimensões próximas às de um Volkswagen Polo (mede cerca de 4,05 m de comprimento), o ID. 2all tira proveito do fato de ser 100% elétrico para apresentar números de habitabilidade à altura do Golf. O melhor exemplo disso é o espaço disponível para bagagens. Sem o motor elétrico na traseira, a Volkswagen pôde adotar um eixo semi-rígido no lugar de uma suspensão independente, solução mais barata e que ocupa menos espaço.

Desta forma, o porta-malas chega aos 490 litros (expansíveis até 1330 litros), valor maior que o oferecido não só pelo Volkswagen Golf (380 l), como pelo ID.3 (385 l).

Bagageria do ID. 2all

Este valor inclui os 50 l da área de arrumação adicional sob o banco traseiro, especialmente concebida para acomodar cabos de carregamento e itens como o kit de primeiros socorros ou o triângulo de segurança.

O ID. 2all será um de 10 novos modelos elétricos que a Volkswagen vai lançar até 2026. Após a chegada do facelift do ID.3, do ID. Buzz na versão longa e do ID.7, a marca promete muitas mais novidades.

Volkswagen ID.7 vista dianteira 3/4

O ID. 2all é a maior de todas, mas há ainda a destacar a chegada de um novo SUV elétrico compacto em 2026.

Se este plano de lançamentos for concretizado, o fabricante alemão contará com uma ampla linha de modelos elétricos, fundamental para que 80% da sua produção de automóveis para a Europa seja de veículos elétricos, a sua ambiciosa meta. Pena que o Brasil só veja isso de longe…

FICHA TÉCNICA

PlataformaMEB Entry
TraçãoDianteira
Potência226 cv
Carga rápida (10-80%)20 minutos
Autonomia450 km
0-100 km/h7s
Velocidade máxima160 km/h
Comprimento4050 mm
Largura1812 mm
Altura1530 mm
Distância entre-eixos2600 mm
Porta-malas490-1330 l
Pneus225/40-20
Preçoa partir de 25 000 €

Compartilhe!
1713630702