Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Aniversário: o Peugeot 106 chegou aos 30 anos

Compartilhe!

E o Peugeot 106, acredite, chegou aos 30 anos. O 106 foi o primeiro automóvel da Geração 6 da marca francesa, um novo e simpático carrinho que teve como objetivo ampliar a oferta da Peugeot no segmento dos pequenos urbanos, que no início dos anos 1990 representava pouco mais de um terço do mercado europeu e cerca de 40% dos automóveis rodando na França.

por Ricardo Caruso

Peugeot 106 celebra o seu 30º aniversário



O lançamento comercial do Peugeot 106 aconteceu em 12 de setembro de 1991 e foi apresentado poeticamente à imprensa como “uma mistura de simpatia envolta em sorrisos e vestida com encanto, que se encaixam perfeitamente bem nos seus 3,56 metros de surpresas e espanto. Concebido para ser versátil, esculpido para a cidade e pensado para a estrada, é um concentrado de elegância, de tração dianteira, com motor transversal, nascido do conhecimento da Peugeot e assentando as suas raízes na tradição da marca”. Ufa!


Fotos: Divulgação Peugeot


Foi produzido inicialmente em carroceria de duas portas, para mais tarde, em 1992, ser lançada a versão de quatro portas, tendo sido produzido o volume total de quase 2,8 milhões de unidades até à sua descontinuação, em 2003.

O Peugeot 106 foi produzido, principalmente, em Mulhouse, mas as fábricas de Sochaux e Aulnay-sous-bois foram utilizadas como reforço de produção no auge da procura dos clientes. O Peugeot 106 é um carro pequeno e leve, de tração dianteira, que foi disponibilizado com motores a gasolina de quatro cilindros da família TU, de 954 cm3 a 1587 cm3, e de 1360 cm3 a 1558 cm3 nos Diesel.


O Peugeot 106 é certamente um dos automóveis da marca que teve o maior número de Séries Especiais, cerca de 20 ao longo dos 12 anos e duas gerações em que o modelo esteve em comercialização. As mais emblemáticas são as muito atrativas versões “Roland Garros” e “Zenith”, apresentadas em 1993; os famosos 106 Kid de 1994 (que chegaram ao Brasil), com os seus bancos forrados de jeans; o divertido 106 Cartoon, promovido pelo Droopy de 1996 a 1999; o elegante “Inès de la Fressange”, de 1997 e o “Enfant Terrible”, comercializado em 2000.

O modelo distinguiu-se, também, por interessantes versões esportivas, como o 106 Rallye de 1993, o 106 XSI com 95 cv do ano de 1992, e 105 cv de 1995, bem como pelo 106 S16 com 120 cv de 1996, naquele que foi o seu último ano de comercialização.

Em janeiro de 1996, o Peugeot 106 passou por um facelift e ficou idêntico ao Citroën Saxo, com quem compartilhava muitos componentes e carroceria. Nesse período todos os motores passaram a usar injeção eletrônica e o nível de equipamentos aumentou também. O carburadores foram substituídos pela injeção eletrônica para reduzir os níveis de emissões de poluentes, que estava acima do permitido pela União Europeia. A versão XSI foi substituída pela GTi que vinha equipada com um motor 1.6 16V.

Teve também uma boa carreira esportiva por meio da Peugeot Sport no Grupo N dos ralis. Em 1997 seria desvendado o 106 Maxi, inspirado no 306 Maxi, modelo desenvolvido e conduzido por Lionel Montagne a partir de 1998, tendo também sido pilotado por Cédric Robert em 2000, terminando na 5ª posição do campeonato francês de rali.

Peugeot 106 Hatchback 1996 - 2003 technical data, prices

A Peugeot, precursora do automóvel elétrico por meio do VLV, apresentado em 1941, foi pioneira também com o 106, que se tornou no seu segundo modelo elétrico, e que manteve o recorde mundial de vendas de Veículos Elétricos até 2010. A versão elétrica do 106 vendeu cerca de 3550 unidades e destinava-se tanto a clientes particulares como a frotas.

Peugeot 106 GTi - review, history, prices and specs | evo

O Peugeot 106 teve, ainda, campanhas publicitárias emblemáticas, baseadas essencialmente no humor, com o slogan que ficou famoso na europa: “O senhor está pronto a fazer qualquer coisa para pedir emprestado o carro da sua mulher”…

Peugeot 106

Para recordar o Peugeot 106, o Musée de l’Aventure Peugeot, em Sochaux, na França, esta dedicando ao carrinho uma exposição, que estará em cena até ao final de 2021. Estão expostos oito exemplares para cmemorar este aniversário: 106 Rallye, a versão italiana de 1994, 106 XSI de 1992, 106 Signature de 1995, 106 S16 de 1997, 106 Enfant Terrible de 2002, 106 Electric de 1996, 106 Maxi de 1997 e um protótipo do 106 Cabriolet de 1992.

Lembras-te deste? Peugeot 106 Rallye: um «puro e duro» dos anos 90

As equipes do Museu estão, também, preparando um grande encontro dedicado ao Peugeot 106, em conjunto com o Club 106 Team Rallye e com o Club 106 S16, que irá acontecer no próximo dia 11 de setembro.


Compartilhe!
English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español