Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

FUNERÁRIA ROLLS-ROYCE: MORRER COM ESTILO

Compartilhe!

Morrer em grande estilo. E ser levado num Rolls-Royce.

No Brasil, quem morre vai para o cemitério numa Kombi ou em surradas adaptações. Na Europa, o cenário é bem diferente. O carro funerário mais luxuoso do mundo acabou de ser construído, o Rolls Royce Phantom Hearse B12, com sete metros de comprimento e iluminação por leds no espaço reservado ao caixão.

O Phantom Hearse B12 foi uma das estrelas da Tanexpo, feira internacional de funerária, que
aconteceu em Bolonha (Itália). O carro foi desenvolvido pela Biemme Special Cars, fabricante de modelos personalizados, que concebeu o veículo com motor 6.8V12 e mais de 600 partes adaptadas.

Uma das grandes curiosidades, além da combinação do nome “Phantom” (fantasma) e as portas de
abertura contrária (chamadas de portas “suicidas”), deste carro funerário é o fato do compartimento para o caixão ser iluminado por leds.

Caixão vai para o cemitério iluminado por leds.

“Há algum tempo a Biemme queria fazer algo extraordinário, algo que não passasse despercebido e que ninguém conseguisse notar”, afirmou o porta-voz da fabricante, Dario Andreotto. “Criámos o Rolls Royce Phantom Hearse B12 com o único propósito de ser o carro funerário mais luxuoso do mundo. Não é fácil passar pelo B12 e ficar indiferente”, finalizou.

Para quem gosta de números, o B12 mantém o motor 6.8V12 de 460cv, acoplado a uma caixa de câmbio automática de seis velocidades. As performances como a aceleração de zero a 100 km/h e velocidade máxima não foram divulgadas. E nem interessam…

Assim até dá gosto morrer.

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *