SlideÚltima hora

Jeep: Wrangler Magneto elétrico estreia versão com 659 cv

Compartilhe!

Todos os anos, nesta época, acontece um dos eventos mais esperado do calendário anual dos fãs dos Jeep: o “Easter Jeep Safari”, que acontece no deserto do Moab, no Estado de Utah. E o destaque deste ano é o Magneto 3.0, conceito que antecipa um Jeep Wrangler 100% elétrico. Além do Wrangler Magneto 3.0, a Jeep vai levar mais seis protótipos ao Easter Jeep Safari deste ano, que vai acontecer entre os dias 1 e 9 de abril.

por Ricardo Caruso

O Magneto 3.0 é a terceira evolução de um conceito mostrado pela primeira vez na edição do Easter Jeep Safari de 2021. E nunca foi tão espetacular como agora: tem visual mais agressivo, está ainda com mais capacidade para o fora de estrada e motor elétrico ainda mais potente. Isso mesmo. Agora este protótipo 100% elétrico tem potência máxima de 659 cv e 122 mkgf de torque máximo, ainda que conte com um modo de uso mais contido, que limita o Magneto 3.0 aos 289 cv e 37 mkgf, já mais do que suficiente para garantir muita diversão.

Jeep Wrangler Magneto 3.0 Concept traseira

Quanto à autonomia, a Jeep não revela qualquer dado, nem mesmo a capacidade da bateria, mas garante que nesta terceira evolução do protótipo a “autonomia aumentou 20%”. Ou seja, atingiu a meta e ainda aumentou 20%… já ouvimos isso antes.

Visualmente as alterações também são perceptíveis, com este protótipo apresentando portas 15 cm mais longas, coluna central mais recuado e uma altura em relação ao solo 7,6 cm superior à de um Wrangler convencional, se é que um Wrangler possa ser considerado assim. Na dianteira, a gradew foi totalmente redesenhada.

Jeep Wrangler Magneto 3.0 Concept frente

Mais seis protótipos apresentados

Apesar de ser o grande protagonista da edição deste ano do Easter Jeep Safari, que promete atrair cerca de 20.000 fãs da Jeep no cinematográfico deserto do Utah, o Magneto 3.0 está longe de ser a única atração. Como sempre acontece, os desenhistas da Jeep uniram esforços para surpreender os entusiastas da marca e criaram outros seis conceitos ou protótipos que mostram a criatividade em busca de soluções futuras.

Jeep Easter Safari protótipos

Jeep Scrambler 392 Concept

Criado como homenagem ao Scrambler CJ-8 de 1981, o Jeep Scrambler 392 Concept apresenta carroceria semelhante ao Magneto 3.0, mas conta com uma área traseira mais prolongada.

Além disso tem um teto diferente, para-lamas específicas e habitáculo mais cuidado, muito por culpa do padrão xadrez verde e azul que reveste os bancos.

Jeep Scrambler 392 Concept frente

 

Mas as maiores diferenças estão debaixo do capô, uma vez que o Scrambler 392 Concept é animado pelo mesmo motor 6.4V8 Hemi com 477 cv e 63,7 mkgf que encontramos no Jeep Wrangler Rubicon 392.

Jeep Wrangler Rubicon 4xe Concept

Decorado com uma pintura em tom de magenta que promete não passar despercebido no ambiente seco do deserto e também em qualquer rua ou estrada, o Wrangler Rubicon 4xe Concept tem por base o Jeep Wrangler 4xe —incluíndo a motorização híbrida plug-in— com para-choques específicos, pneus todo-terreno de 37 polegadas e rodas Borah aro 17.

Jeep Wrangler Rubicon 4xe Concept dianteira

 

Jeep Wrangler Rubicon 4xe Departure Concept

Construído a partir de um Wrangler Rubicon, como o nome sugere, o protótipo Departure começa logo chamando atenção por não contar com portas convencionais e sim com estruturas tubulares da Mopar, solução que também encontramos na dianteira, protegendo a grade.

Jeep Wrangler Rubicon 4xe Departure traseira

 

Equipado com amortecedores Bilstein e altura ao solo 5 cm superior que um Wrangler normal, o Rubicon 4xe Departure Concept é equipado com o mesmo sistema híbrido plug-in que encontramos no Wrangler 4xe, com 380 cv e 63,7 mkgf.

Jeep Gladiator Rubicon Sideburn Concept

Este é o único protótipo do grupo que tem por base a picape Gladiator, e destaca-se por contar com a traseira, teto, para-lamas e outras partes com acabamento em grafite fosco, que contrasta de maneira perfeita com o verde fluorescente que encontramos no resto da carroceria.

A caçamba é, de resto, uma das grandes novidades deste protótipo, uma vez que estreia um conjunto de soluções de acomodação. A estrutura que separa a cabine e a caçamba —construída com barras de aço e fibra de carbono— também chama atenção.

Jeep Gladiator Rubicon Sideburn Concept traseira

 

Equipado com o motor 3.6V6 Pentastar, o Gladiator Rubicon Sideburn Concept conta com altura ao solo superior em 5 cm dos Rubicon de linha e com um conjunto de amortecedores da Bilstein.

Jeep Grand Wagoneer Overland Concept

Tal o como nome sugere, este protótipo é a versão Overland do Jeep Grand Wagoneer, um SUV que aqui surge transformado na derradeira ferramenta para os amantes de aventuras.

Jeep Grand Wagoneer Overland Concept frente

Equipado com uma tenda climatizada para duas pessoas montada no teto (recurso que está se tornando comum no mundo do automóvel) —com uma estrutura em fibra de carbono e painéis solares integrados—, este Grand Wagoneer Overland Concept livrou-se dos bancos traseiros (da segunda e terceira fila) e conta agora com espaço interno amplo, que não só permite o acesso rápido ao “andar” de cima como também pode ser usado como espaço de convívio -praticamente um quarto- ou acomodação de grandes bagagens. Afinal, é para isso que servem ops SUVs, e não para levar crianças na escola…

Pintado com um tom verde “industrial” e com vários detalhes em vermelho, este Grand Wagonner viu a altura em relação ao solo crescer, ganhou rodas aro 18 montadas em pneus de 35 polegadas e passou a contar com molduras nas boras dos para-lamas.

Quanto ao motor, trata-se do novo Hurricane de seis cilindros em linha, 3.0 , biturbo, que produz 517 cv e 67,8 mkgf, tal como o Grand Wagoneer de produção.

Jeep Grand Wagoneer Overland Concept cama

 

Jeep Cherokee 1978 4xe Concept

Deixamos para o fim da lista o protótipo que é, com certeza, o mais inesperado de todo este grupo de concepts para estas edição do Easter Jeep Safari: o Jeep Cherokee 1978 4xe Concept.

Para este restomod, a Jeep optou por converter o Cherokee SJ de 1978 num híbrido plug-in, e para isso adaptou o sistema 4xe do Wrangler atual, que combina um motor 2.0 turbo de quatro cilindros com dois motores elétricos e uma bateria de 17,3 kWh, para uma potência máxima combinada de 380 cv.

Jeep Cherokee 4xe Concept 1978 frente

 

Além disso, este modelo recebeu para-choques novos, LEDs nos faróis e lanternas, rodas de 17 polegadas calçadas com pneus off road de 37” e claro, pintura que remete aos Jeep do passado.


Compartilhe!
1716903927