Auto&Técnica | Desde 1995, 23 anos de boas notícias.

Lançamento: tudo sobre o novíssimo Jeep Commander 2022

Compartilhe!

Talvez no mais importante lançamento do ano no Brasil, chegou o Jeep Commander. O SUV de sete lugares vem para ampliar a linha da marca no nosso mercado. Se não levarmos em conta os Jeep fabricados aqui pela Willys e pela Ford, é o terceiro modelo da marca, depois do Renegade (2015) e Compass (2016). Assim, seis anos depois do primeiro Jeep brasileiro na era FCA/Stellantis, o mercado conhece o novo Commander, em duas versões: Limited e Overland.

por Ricardo Caruso

O Commander 2022 foi desenvolvido no Polo Automotivo de Betim, em Minas Gerais, em parceria com o Polo Automotivo de Goiana, em Pernambuco -ambos da Stellantis- onde será produzido junto com o Renegade, Compass e Fiat Toro. Ele será vendido nas duas versões que já falamos (Limited e Overland) com duas opções de motor cada: 1.3 turboflex T270 e 2.0 turbodiesel TD380. Todas já estão em sistema de pré-venda e o modelo estará nas lojas a partir de 7 de outubro. 

Ele é produzido a partir da plataforma global da marca, a Small Wide, com carroceria de 80% de aço de alta resistência e ultra-resistência, principalmente na região da cabine e área frontal, o que eleva o padrão de segurança. Mesmo assim, a diferença de peso para o Compass é pequena, pois o Commander tem 1.685 kg (na versão Limited T270) contra 1.589 kg do menor (na versão S), ou seja, apenas 95 kg a mais.

Segundo a Jeep, é o único SUV do segmento grande produzido aqui no País. Fácil ter certeza disso, pois o Commander impressiona de cara pelo porte. Tem 4.769 mm de comprimento, 1.859 mm de largura e 1.682 mm de altura, enquanto a generosa distância entre-eixos fica em 2.794 mm.

GALERIA DE FOTOS

COMMANDER LIMITED T270 TURBO FLEX 4X2 AT6

Comparando com o Compass, o Commander é 365 milímetros mais longo, 40 mm mais largo e 54 mm mais alto, com o entre-eixos tendo diferença de 158 mm, o que favorece o espaço interno. A versão diesel é um pouco mais alta (1.702 mm) e o vão livre para o solo é de 212 mm (209 mm da flex).

O porta-malas do Jeep grande é de 661 litros com cinco assentos, ou 233 litros com os sete bancos e 1.760 litros com os assentos das segunda e terceira fileiras rebatidos. Para comparação, o Compass, que tem porta-malas com 476 litros de, ou seja, também com cinco lugares o Commander acomoda 185 litros a mais.

GALERIA DE FOTOS

COMMANDER OVERLAND T270 TURBO FLEX 4X2 AT6

Em termos de visual, quem observar o novo Commander vai lembrar do Compass, por conta da grade dianteira com sete barras verticais (marca registrada dos Jeep) e faróis estreitos. Mas o novo SUV tem sua personalidade, como a faixa preta horizontal na grade, que une os faróis full-LED (Jeep Performance LED), onde as luzes de direção (os piscas) caracterizada por luzes de seta de direção se “movimentam” do centro para a lateral.

As luzes diurnas de LED ficam instaladas numa barra horizontal acima dos faróis auxiliares, e a entrada de ar inferior traz diversos retângulos, onde ficam alojados os sensores e radares dos sistemas de condução semi-autônoma. Nas laterais, o novo Jeep tem as caixas de rodas mais quadradas, molduras que são pintadas na cor da carroceria na versão top de linha Overland e são em plástico preto na Limited. As rodas na versão mais sofisticada são de aro 19, com desenho que lembra o “pentastar” da Chrysler estilizado usado nas antológicas Grand Cherokee Limited dos anos 1990.

O teto do Commander traz o efeito de “teto flutuante” (recurso cada vez mais comum na indústria e que estreou no Brasil no Chevrolet Agile, justiça seja feita) com o contorno de um friso cromado.

Na traseira, qualquer semelhança com o Compass desaparece, por conta de suas lanternas horizontais em LED rentes à borda inferior do vidro traseiro; a parte superior tem uma linha de LEDs, e a área de informações tem quatro nichos de iluminação.

Por dentro, o Commander impressiona. Na versão Overland, o acabamento mistura revestimento preto e camurça marrom (preto na Limited) nos bancos, forros das portas e painel. São poucos os plástico à vista. Os bancos também têm revestimento marrom e detalhes bordados nos encostos e nas laterais (mais a elegante costura central com padrão xadrez, que dá bastante), vindo com costuras em bronze, replicadas em toda a cabine.

GALERIA DE FOTOS

COMMANDER LIMITED TD380 TURBO DIESEL 4X4 AT9

A mesma cor bronze surge ainda no painel e no console, que traz no apoio de braço revestimento imitando couro com a inscrição “Jeep 1941”, uma referência ao ano de lançamento do prikeiro Willys, o MB. O painel de instrumentos é todo digital, com tela de 10,25 polegadas, enquanto a central multimídia tem tela de 10,1 polegadas e permite conexão com Android Auto e Apple CarPlay sem o uso de cabos. Todas as três fileiras de bancos têm as mesmas costuras no formato xadrez, e costura na cor bronze na versão Overland.

O bom conforto prossegue na segunda fila de bancos, onde os ocupantes têm disponíveis saídas de ar condicionado e tomadas USB –hoje obrigatórias. Na terceira fileira as tomada USB também estão presentes.

Entre os itens de série disponíveis para todas as versões, temos cruise control adaptativo, frenagem automática de emergência com reconhecimento de pedestres e ciclistas, assistente de manutenção em faixa, reconhecimento de placas de trânsito, detector de fadiga, farol alto com comutação automática e regulagem elétrica no banco do motorista. E mais: sete airbags, porta-malas com abertura elétrica, carregador sem fio para celular e a plataforma “Adventure Intelligence”, onde por meio de um aplicativo, é possível pelo smartphone travar e destravar o carro, ligar o motor ou rastrear o carro, entre outras possibilidades.

Teto solar elétrico panorâmico, rodas de liga-leve aro 19, “Adventure Intelligence” com a assistente virtual Alexa (integrada ao multimídia), banco do passageiro com ajustes elétricos e sistema de som Harman Kardon com nove alto-falantes e 1 subwoofer (com 450 watts de potência) equipam a versão Overland.

O Commander 2022 traz como opcional o motor 1.3 turboflex T270, o mesmo que estreou no Compass neste ano. Tem 185 cv de potência máxima a 5.750 rpm e 27,5 mkgf de torque máximo a 1.750 rpm. Com essa configuração, tem tração dianteira e câmbio automático de seis marchas. Para quem se aventurar em estradas ruins e de baixa aderência, a única ajuda possível é o controle de tração com função TC+.

Já o Commander 2.0 turbodiesel é mais indicado para aventuras mais ousadas. Tem 170 cv a 3.750 rpm, e ganhou uma afinação da Jeep, que deixou o motor -que é importado da Itália- com mais torque: foi de 35,7 mkgf a 1.750 rpm para 38,7 mkgf. Leva o sobrenome TD380 nas versões diesel, que remete ao torque de 380 medido em Newton-metro.

GALERIA DE FOTOS

COMMANDER OVERLAND TD380 TURBO DIESEL 4X4 AT9

Como acontece com outros modelos da Stellantis equipados com este motor a diesel, o Commander5 tem transmissão automática de nove marchas e tração 4×4. O seletor de modos de condução inclui o uso da 1ª marcha como “reduzida”. Para uso no froa de estrada, todos Jeep Commander a diesel trazem ainda seletor de tipo de terreno e controle de descida.

A Jeep iniciou a pré-venda do Commander com um lote inicial de 500 unidades. Quem quiser sair na frente terá que pagar R$ 5 mil para fazer a reserva, em um site exclusivo ou nas concessionárias da marca. Estas primeiras unidades da pré-venda trarão como mimo um kit de boas-vindas, composto por uma mala de viagem com o logotipo e o nome do modelo, além de uma necessaire com produtos de higiene da Jeep.

Outro agrado para quem comprar o SUV até o final da pré-venda, em 7 de outubro: as três primeiras revisões serão gratuitas. E para quem fizer a aquisição como pessoa física, a Jeep pagará o valor da tabela FIPE nos Renegade ou Compass, usados, como entrada.

A Jeep espera que o mix de vendas fique em 50% para as versões flex e 50% para os diesel, sendo 20% concentradas nas versões Limited e 30% para as configurações Overland em cada motorização. Ou seja, 40% do Limited e 60% do Overland no geral.

Versões e preços do Jeep Commander:

Commander Limited T270 1.3 turboflex AT6 (R$ 199.990): faróis full-LED, painel de instrumentos 100% digital de 10,25 polegadas, central multimídia com tela de 10,1 polegedas, bancos em material sintético e camurça pretos, sete airbags, porta-malas com abertura elétrica e rodas de liga-leve aro 18. Traz ainda cruise control adaptativo, frenagem automática de emergência, leitor de placas de trânsito, detector de fadiga, assistente de manutenção em faixa, alerta de ponto cego, comutador de farol alto automático, carregador sem fio para, conexão de smartphones sem cabos, controle de tração TC+ e sistema Adventure Intelligence.

Commander Overland T270 1.3 turboflex AT6 (R$ 219.990): acrescenta ao Limited T270 rodas de 19 polegadas, bancos com revestimento sintético e camurça marrom, banco elétrico do passageiro, teto solar panorâmico, chave presencial para acesso e partida, sistema de som Harman Kardon com nove alto-falantes e subwoofer, com 450w, molduras inferiores e de para-lamas na cor da carroceria, tomada 127v e sistema Adventure Intelligence com Alexa.

Commander Limited TD380 2.0 diesel AT9 (R$ 259.990): acrescenta ao Limited T270 a tração 4×4 com modo de reduzida, seletor de modo de terreno e controle de descida.

Commander Overland TD380 2.0 diesel AT9 (R$ 279.990): adiciona ao Overland T270 a tração 4×4 com modo de reduzida, seletor de modo de terreno, controle de descida e Jeep Offroad Pages.

Ficha Técnica

 JEEPCommander 1.3TCommander 2.0TD
MOTORdianteiro, transversal, 4 cilindros, 16 válvulas, 1.332 cm3, comando único com variador para escape e MultiAir na admissão, injeção direta, turbo, flexdianteiro, transversal, 4 cilindros, 16 válvulas, 1.956 cm3, duplo comando, injeção direta, turbo, diesel
POTÊNCIA/TORQUE180/185 cv a 5.750 rpm/ 27,5 mkgf a 1.750 rpm170 cv a 3.750 rpm / 38,7 mkgf a 1.750 rpm
TRANSMISSÃOcâmbio automático de seis marchas; tração dianteiraautomático de nove marchas, tração integral automaticamente variável
SUSPENSÃOMcPherson na dianteira e traseiraMcPherson na dianteira e traseira
RODAS E PNEUS rodas de liga-leve de 18″ com pneus 235/55-18 (Limited); rodas de liga-leve de 19″ com pneus 235/50-19 (Overland)rodas de liga-leve de 18″ com pneus 235/55-18 (Limited); rodas de liga-leve de 19″ com pneus 235/50-19 (Overland)
FREIOSdiscos ventilados na dianteira e sólidos na traseiradiscos ventilados na dianteira e sólidos na traseira
PESO1.715 kg1.908 kg
DIMENSÕEScomprimento 4.769 mm, largura 1.859 mm, altura 1.680 mm, entre-eixos 2.794 mmcomprimento 4.769 mm, largura 1.859 mm, altura 1.700 mm, entre-eixos 2.794 mm
FORA-DE-ESTRADAângulo de entrada: 20,1º; ângulo de saída: 22,2º; rampa: 21,1º; altura do solo: 208 mmÃngulo de entrada: 25,4º; ângulo de saída: 23,6º; rampa: 21,6º; altura do solo: 214 mm
CAPACIDADEStanque, 61 litros; porta-malas, de 233 a 661 litrostanque, 61 litros; porta-malas, de 233 a 661 litros
PREÇOR$ 199.990 (Limited) e R$ 219.990 (Overland)R$ 259.990 (Limited) e R$ 279.990 (Overland)

Compartilhe!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

English English Français Français Deutsch Deutsch Italiano Italiano Português Português Español Español